A Casa do Dragão | Elenco insinua 2ª temporada em painel da SDCC

Créditos da imagem: Divulgação

Séries e TV

Artigo

A Casa do Dragão | Elenco insinua 2ª temporada em painel da SDCC

Em San Diego, atores e showrunner indicaram que vem mais da série por aí

Omelete
4 min de leitura
23.07.2022, às 16H35
ATUALIZADA EM 23.07.2022, ÀS 17H25
ATUALIZADA EM 23.07.2022, ÀS 17H25

A Casa do Dragão (House of the Dragon), o aguardado derivado de Game of Thrones sobre a dinastia Targaryen, está prestes a estrear – e o elenco parece já estar animado com uma possível segunda temporada da série, já que brincadeiras e especulações dominaram o painel da produção na San Diego Comic-Con, neste sábado (23).

Para começar, o showrunner e criador Ryan Condal afirmou que dos 17 dragões criados para a produção, alguns só serão vistos no futuro: “Criamos dragões que vocês nem vão chegar a ver na primeira temporada”.

Um pouco mais tarde, Condal disse que voltaria a discutir alguns tópicos “no próximo ano”.

Olivia Cooke, que interpreta Alicent Hightower, também afirmou, em tom bem-humorado, que algumas coisas “devem ficar para a segunda temporada”. “Quer dizer, se tiver”, completou.

Oficialmente, A Casa do Dragão ainda não foi renovada para uma segunda temporada. Em fevereiro, no entanto, o chefe da HBO Casey Bloys declarou que era muito provável que a série ganhasse um novo ano.

Dragões com identidade

O painel de A Casa do Dragão apresentou ainda um trailer com cenas inéditas, exibidas só para os presentes no Hall H. As novas sequências mostram os dragões da série em ainda mais detalhes, aproveitando o que será um dos grandes chamarizes da série.

Condal inclusive aproveitou a ocasião para explicar um pouco do processo de criação envolvido nas criaturas fantásticas: “Era muito importante diferenciá-los não só no visual, mas também em como eles se comportam e em suas personalidades”. 

Para tanto, ele contou com a ajuda do autor George R.R. Martin, que escreveu As Crônicas de Gelo e Fogo e o livro Fogo e Sangue, no qual a nova série é baseada. “George ajudou a especificar as cores e extrapolar o que está nos livros para fazer essa caracterização”, contou. 

"É incrível"

Também presente no painel, Martin comemorou o resultado da série, que estreia no dia 21 de agosto na HBO e na HBO Max. “É muito empolgante. Esses livros e esses personagens são meus filhos, então estava um pouco nervoso no começo. Mas tive muita sorte, o Ryan Condal fez um ótimo trabalho. E o elenco é ótimo. Vi 9 dos 10 episódios, e é incrível. Estou muito feliz”. 

O autor ainda foi questionado a respeito do problema de Westeros com rainhas – ponto que deve ser central em A Casa do Dragão. “Meus livros são fantasias, mas eles são muito espelhados na história”, defendeu. “Não acho que Westeros seja mais anti-mulheres do que o mundo real”. 

Pouco depois, Martin ainda discorreu sobre os vilões em suas obras. “Não temos ninguém chamado Sr. Atrocidade ou nada disso, mas certamente há mal”, explicou. “Sempre acreditei que os melhores personagens são capazes de serem gentis e empáticos, e na semana seguinte eles são egoístas. Todos esses personagens tem o bem e o mal dentro deles, é uma questão das escolhas que eles fazem”. 

E o livro? 

Em um momento mais descontraído, o escritor disse que não gravou uma participação especial na série. “Por causa do covid, mal saí de casa nos últimos anos. E, não sei se vocês sabem, mas eu estou escrevendo um livro [aplausos e gritos] e ele está meio atrasado. Entao, primeiro preciso terminá-lo”, contou, referindo-se a Ventos do Inverno, o sexto livro das Crônicas. 

Martin ainda lembrou que deveria ter feito uma aparição no piloto de Game of Thrones, mas acabou sendo cortado quando o episódio foi regravado. Ele também quase chegou a ser uma cabeça cortada na série original, mas sem sucesso. “Você sempre será bem-vindo em Casa do Dragão”, respondeu Condal.

A San Diego Comic-Con acontece entre 21 e 24 de julho e conta com cobertura completa no site, redes e canal do Omelete

O primeiro dia já foi marcado por novidades de Dungeons & Dragons, Teen Wolf e A Lenda do Tesouro Perdido, enquanto a sexta-feira de convenção entregou prévias e anúncios de O Senhor dos Anéis: Os Anéis de Poder, animações da Marvel Studios e The Walking Dead. O sábado, dia mais cheio do evento, terá painéis da Warner Bros.e Marvel Studios.

*Colaborou Beatriz Amendola

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.