Filmes

Entrevista

Nolan e Cillian Murphy celebram 18 anos de parceria com Oppenheimer “rockstar”

Diretor e astro trabalharam mais próximos do que nunca no novo filme

Omelete
3 min de leitura
21.07.2023, às 06H00.

20 anos atrás, quando comecei a trabalhar com Cillian [Murphy], já ficou aparente para mim que ele era um dos grandes atores… da sua geração ou de qualquer outra”. As palavras são de Christopher Nolan, que fez cinco filmes com o astro irlandês de Peaky Blinders - começando com Batman Begins, em 2005 - antes de escalá-lo como protagonista em Oppenheimer.

Quando este filme começou a tomar forma, eu liguei para ele imediatamente”, comenta ainda o cineasta, em entrevista ao Omelete. “Disse: 'Esse é o nosso projeto. Você estará no centro do palco, e terá que carregar o público junto com você pelos altos e baixos dessa história'. Por sorte, ele estava pronto para o desafio.

Nas palavras do próprio Murphy, assumir o centro do palco em um filme do seu parceiro de longa data foi a realização de um sonho. “Eu passei muito mais tempo no set dessa vez!”, brinca. “Eu e Chris trabalhamos muito juntos, inclusive por seis meses antes do começo das filmagens. A nossa colaboração foi muito mais estreita dessa vez do que nos outros filmes que fizemos juntos, o que foi uma ótima experiência.

O ator comenta ainda que a chave para entender seu Oppenheimer está em duas coisas: a voz e o figurino - especialmente por que o físico que criou a bomba atômica era conhecido como uma espécie de “rockstar” da comunidade científica. 

Nós trabalhamos muito na fisicalidade do personagem”, relata Murphy.Ele era um homem charmoso, carismático - as mulheres o adoravam. Acho que, no fundo, ele sabia muito bem desse apelo que ele tinha, e criou uma imagem que se aproveitava disso... se você pensar na forma como ele se apresentava, com o chapéu e o cachimbo, foi tudo pensado nesse sentido."

Oppenheimer, enfim, pode marcar o ápice da parceria de diretor e astro, mas com certeza não marca o fim dela. Em todo esse tempo que eu conheço Cillian, ele cresceu muito como artista, fez trabalhos que o desafiaram e aperfeiçoaram suas habilidades. Ele é um ator espetacular com o qual trabalhar, além de um grande amigo meu. É sempre um prazer estar com ele”, define Nolan.

Eu confesso que não fico premeditando quais papéis quero fazer no futuro, ou algo do tipo. A minha carreira é meio aleatória nesse sentido”, admite Murphy. “A minha estrela-guia é a vontade de trabalhar com as melhores pessoas possíveis... até por isso Oppenheimer foi tão interessante para mim. Não só Chris é um dos melhores diretores de cinema vivos, na minha opinião, como esse elenco é fenomenal. Esse é o tipo de trabalho que vale a pena para mim.

Oppenheimer já está em cartaz nos cinemas brasileiros.

Omelete no Youtube

Confira os destaques desta última semana

Omelete no Youtube

Confira os destaques desta última semana

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a nossa Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.