Daniel Day-Lewis em Trama Fantasma

Créditos da imagem: Trama Fantasmas/Annapurna Pictures/Reprodução

Filmes

Notícia

Scorsese quer tirar Daniel Day-Lewis da aposentadoria: 'Há tempo para mais um?"

Último trabalho do ator foi em Trama Fantasma, de 2017

Omelete
2 min de leitura
12.01.2024, às 14H46
ATUALIZADA EM 12.01.2024, ÀS 18H59
ATUALIZADA EM 12.01.2024, ÀS 18H59

Martin Scorsese ainda não aceitou a aposentadoria de Daniel Day-Lewis do cinema. Após trabalherem juntos em Gangues de Nova York e A Época do Inocência, o diretor disse que quer fazer uma nova parceria com o ator.

"Fizemos dois filmes juntos e foi uma das maiores experiências da minha vida. Talvez haja tempo para mais um?", disse Scorsese ao encontrar com Day-Lewis na cerimônia de premiação da National Board of Review (via Deadline).

O cineasta foi o principal homenageado do evento e recebeu uma condecoração das mãos do ator. Sem responder sobre um possível retorno às telonas, Day-Lewis encheu Scorsese de elogios.

"Eu era adolescente quando descobri o trabalho de Martin. Ele iluminou a vasta e bela paisagem do que é possível no cinema. Ele me esclareceu o que é que se deve pedir a si mesmo para trabalhar com fé. Uma das maiores alegrias e privilégios inesperados da minha vida foi um dia trabalhar com ele… Como homem e cineasta, eu o amo e o reverencio", disse.

Vencedor de três Oscars de melhor ator, o último trabalho de Daniel Day-Lewis foi em Trama Fantasma, de 2017. Já Scorsese tem o recente Assassinos da Lua das Flores entre os favoritos para levar o Oscar 2024 e planeja dirigir um filme sobre Jesus Cristo ainda este ano.

Omelete no Youtube

Confira os destaques desta última semana

Omelete no Youtube

Confira os destaques desta última semana

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a nossa Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.