Filmes

Artigo

Vale a pena ver Ford vs Ferrari?

Cotado para temporada de premiações, filme une emoção e corporativismo

A cozinha
13.11.2019
12h23

Coringa é uma das maiores apostas para o Oscar 2020, mas há outras produções que merecem atenção como Ford vs Ferrari, com Matt Damon e Christian Bale no elenco e James Mangold (Logan) na direção. Na trama, inspirada em fatos, um grupo de engenheiros e designers se reúne para montar um carro capaz de derrotar a Ferrari nas pistas. O objetivo da Ford era ir além de ser uma montadora de carros para a família e se tornar um objeto de desejo, como acontecia com sua concorrente.

A dinâmica do filme é construída no contraste entre a parte a parte técnica e corporativa e a emoção. Interpretado por Matt Damon, Carroll Shelby tem uma grande paixão pelos veúculos que cria, o que também acontece com Henry Ford II (Tracy Letts) e Enzo Ferrarri (Remo Girone). Já Leo Beebe (Josh Lucas) representa o lado que busca lucro a qualquer custo e pensa, antes de tudo, no que será mais vantajoso para a empresa. 

O ápice dessa disputa é apresentada por Ken Miles, o corredor interpretado por Christian Bale, que tem talento e se une à Ford para bater a Ferrari. Com isso, o filme mostra que o desejo dos personagens é sim criar um produto de sucesso, mas não é possível fazer isso sem colocar sentimento e paixão no trabalho. Unindo esses elementos, James Mangold cria uma fábula realista sobre paixão e criatividade, extraindo grandes atuações, especialmente de Bale, que volta ao papel de um anti-herói que todos querem ver vencer.

Já o Carroll Shelby interpretado por Damon é um personagem com ótimas intenções e que entrega boas interações com o piloto Miles. Quando chega a hora da fatídica corrida, é impossível não torcer para que os dois tenham sucesso, já que o lado humano foi bem desenvolvido, apesar dos interesses da empresa sempre estarem ao lado. Confira acima nosso Sim ou Não sobre o longa.