Ezra Miller durante evento da TIME, em 2019 (Angela Weiss / AFP)

Créditos da imagem: Ezra Miller durante evento da TIME, em 2019 (Angela Weiss / AFP)

Filmes

Artigo

Ezra Miller: Entenda as acusações e como elas podem afetar os projetos do ator

Miller foi acusado de agressão, assédio sexual e outros comportamentos abusivos

Omelete
5 min de leitura
Caio Coletti
15.07.2022, às 15H53

Nos últimos meses, o nome de Ezra Miller tem se tornado sinônimo de relatos preocupantes de agressão e assédio, e a carreira de americane, incluindo sua participação em franquias importantes como Animais Fantásticos e The Flash, entrou em cheque por causa dessas polêmicas.

Abaixo, reunimos tudo o que você precisa saber sobre essa história. (Nota da redação: Ezra Miller se identifica como uma pessoa não-binária, preferindo o uso de linguagem neutra. Por isso, o texto deste artigo utilizará pronomes neutros como “elu/delu” e a vogal “e” em palavras que apresentam flexão de gênero).

A primeira acusação

Em abril de 2020, um vídeo de Miller enforcando agressivamente uma fã na Islândia se espalhou pela internet. Na época, apenas relatos indiretos do acontecido foram divulgados, mas a mulher em questão falou com a Variety em matéria publicada em junho deste ano.

Segundo ela, o incidente aconteceu em um bar, e Miller foi inicialmente amistose quando ela se aproximou, a agradecendo por acompanhar sua carreira e puxando papo com a fã. Quando ela perguntou como Miller, que estava usando chinelos, havia machucado o pé, a resposta delu foi que havia se envolvido em uma briga. Isso levou a fã e Miller a discutir de forma brincalhona sobre quem entre eles venceria uma luta.

A fã relatou que as coisas ficaram mais sérias quando Miller, visivelmente bêbade, voltou a conversar com ela na saída do bar. “Do nada, elu estava em cima de mim, me enforcando e gritando na minha cara que queria brigar”, lembra. Os amigos da mulher tiraram Miller de cima dela, e um segurança do bar o jogou para fora do estabelecimento - não antes delu cuspir no rosto do profissional várias vezes, segundo o relato.

A viagem ao Havaí

Entre março e abril deste ano, Miller foi prese duas vezes durante uma viagem ao Havaí. Na primeira, Miller foi acusade de agredir uma mulher em um karaokê; na segunda, de atirar uma cadeira em outra mulher durante uma briga no apartamento dela. Em ambas as ocasiões, Miller pagou fiança e aguarda julgamento.

Ainda durante a mesma viagem, elu foi alvo de uma ordem de restrição pedida por um casal de quem elu era hóspede. Segundo os dois, Miller entrou no quarto do casal no meio da noite e ameaçou agredi-los: “Eu vou te enterrar a sete palmos abaixo da terra, junto com essa p*ta da sua esposa. Depois disso, elu ainda teria roubado vários pertences do casal, incluindo passaportes e cartões de crédito.

As manchetes originadas por estes incidentes foram o estopim para as acusações mais recentes contra elu, que você pode entender melhor abaixo.

O caso Gibson Iron Eyes

A residência de Miller em Stamford, Vermont (EUA), está no centro de duas acusações contra elu. A primeira vem dos pais de Gibson Iron Eyes, ativiste de 18 anos de idade que Miller conhece desde os 12, quando se encontraram em um protesto na Standing Rock, reserva indígena norte-americana.

Segundo os pais, Miller apresentou drogas como maconha, LSD e quetamina para Iron Eyes antes que elu completasse a maioridade, e elu foi morar com Miller recentemente, desistindo de terminar o ensino médio (em uma escola de elite pela qual Miller pagava). Quando os pais visitaram Iron Eyes na fazenda, descobriram que Miller não permitia que elu carregasse um celular, seus documentos e qualquer dinheiro ou cartão.

Iron Eyes declarou, no Instagram, que as acusações de abuso dos pais não procedem, e que todas as escolhas que elu tomou foram por livre e espontânea vontade. Não é da conta de ninguém. Esta é minha vida, estas são minhas decisões. Estou desapontade com os meus pais e a imprensa”, disse em um vídeo.

Mais acusações

Após a história de Iron Eyes vir a público, um homem do Havaí denunciou Miller por abrigar sua ex-mulher e seus três filhos na mesma fazenda em Vermont, supostamente em condições inseguras. Segundo ele, existem armas de fogo espalhadas pela casa, e Miller deixou o Havaí com as crianças sem nem mesmo avisá-lo.

Em entrevista à Rolling Stone, no entanto, a mulher em questão alegou que o ex-marido era abusivo, e que Miller “salvou” sua família de uma situação ruim. Ela também tranquilizou a revista dizendo que, embora Miller realmente tenha armas em casa, elas ficam todas em salas trancadas, às quais as crianças não têm acesso.

Na avalanche de acusações, uma ordem de restrição contra Miller no estado de Massachusetts (também nos EUA) veio à tona. Segundo contou a mãe de família que pediu a ordem ao Daily Beast, Miller agiu de forma inapropriada em relação ao seu filhe, que se identifica como não-binárie e tem 12 anos de idade, durante uma festa. Depois, elu se desculpou com a família, mas acabou voltando várias vezes à casa sem ser convidade.

Por fim, uma mulher na Alemanha relatou à Variety que Miller se comportou de forma alarmante durante uma visita ao apartamento dela em fevereiro. Segundo ela, Miller ficou irritade quando ela pediu que ele não fumasse dentro da casa, e passou a “jogar folhas de tabaco pelo chão” e xingá-la.

E como ficam os filmes?

Por enquanto, Miller não perdeu nenhum papel, oficialmente, por causa das acusações. O filme solo do The Flash, herói que Miller interpreta desde 2016, já finalizou filmagens - é altamente improvável que a Warner/DC gaste o dinheiro necessário para substituí-lo e praticamente regravar o longa todo, uma vez que ele é o protagonista.

No entanto, segundo o Deadline, o estúdio planeja sim reescalar Barry Allen/Flash após o lançamento do filme, atualmente marcado para 23 de junho de 2023. A dúvida agora entre os executivos da Warner é como lidar com a divulgação de The Flash, e decidir se o filme será lançado nos cinemas ou apenas no streaming.

A outra grande franquia da qual Miller faz parte é Animais Fantásticos, cujo terceiro filme, Os Segredos de Dumbledore, foi lançado este ano - com elu no elenco, reprisando o papel de Clarence Barebone. Apesar de a saga oficialmente estar planejada para mais dois filmes, Os Segredos de Dumbledore não fez o sucesso esperado (US$ 400 milhões ao redor do mundo), e o quarto longa ainda não ganhou detalhes.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.