Filmes

Notícia

Eu Sou a Lenda ganhará um reboot

Gary Graham adaptará roteiro original ao universo de Richard Matheson

Natália Bridi
02.10.2014, às 08H05
ATUALIZADA EM 03.10.2014, ÀS 17H49
ATUALIZADA EM 03.10.2014, ÀS 17H49

Desde 2008, a Warner Bros. tenta tirar um segundo filme da franquia Eu Sou a Lenda do papel. O projeto já foi tratado como continuação e como prelúdio, com o retorno de Will Smith aparecendo com uma possibilidade ora sim, ora não. Agora, de acordo com o Deadline, o estúdio comprou o roteiro de A Garden at the End of the World, do novato Gary Graham, e pretende adaptá-lo ao universo criado por Richard Matheson em uma espécie de reboot da franquia.

eu sou a lenda

None

Descrito com uma versão sci-fi de Rastros de Ódio (The Searchers, 1956), filme de John Ford estrelado por John Wayne sobre um veterano da Guerra Civil que parte para resgatar sua sobrinha de uma tribo indígena, o script estava na Black List (a lista informal dos melhores roteiros não produzidos). A Warner viu as similaridades e o potencial do filme e contratou Graham (que antes trabalhava em uma Apple Store) para reescrever o roteiro e encaixá-lo na franquia.

Ainda não se sabe se o longa terá alguma relação com os eventos do primeiro longa. Desta vez, porém, não há planos para o retorno de Will Smith. Akiva Goldsman, James Lassiter e Joby Harold retornam como produtores ao lado de Roy Lee e Brooklyn Weaver.

Baseado no livro de Richard Matheson, o Eu Sou a Lenda original faturou mais de US$ 584 milhões ao redor do mundo.

Leia mais sobre Eu Sou a Lenda

 

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.