Armie Hammer em Me Chame Pelo Seu Nome (Reprodução)

Créditos da imagem: Armie Hammer em Me Chame Pelo Seu Nome (Reprodução)

Filmes

Notícia

Armie Hammer escreveu filme autobiográfico e quer produzi-lo em Hollywood

Ele está afastado da atuação desde 2021, quando foi acusado de abuso e canibalismo

Omelete
2 min de leitura
17.06.2024, às 16H02.

Armie Hammer planeja realizar um filme autobiográfico. Em nova entrevista ao podcast Painful Lessons, o astro de Me Chame Pelo Seu NomeA Rede Social - que está afastado de Hollywood desde 2021, por conta de acusações de abuso sexual e canibalismo - contou que já tem o roteiro do projeto pronto, escrito em colaboração com um amigo que ele não quis nomear.

"Estamos no processo de tentar tirar o filme do papel. Temos um roteiro, e somos muito apaixonados por ele. É algo que eu quero muito fazer, mas não sei qual será o futuro desse projeto, não sei como as pessoas vão responder a ele caso se torne realidade. Mas eu vou fazer de qualquer jeito, porque é o que sinto vontade. Só porque as pessoas me dizem que eu não posso fazer isso, não significa que preciso ouvi-las", comentou.

Hammer admitiu que as acusações que vieram à luz em 2021 o deixaram "em um buraco negro de autoestima", e revelou ter considerado o suicídio. Hoje em dia, no entanto, ele se declarou "grato" pela oportunidade que as denúncias o deram de se afastar do trubilhão de Hollywood.

"Antes de tudo isso acontecer comigo, eu não estava me sentindo bem. Eu nunca estava satisfeito, nunca tinha o bastante, nunca estava feliz comigo mesmo", relatou Hammer. "Hoje, consigo olhar para as acusações com um senso de perspectiva, e pensar: 'Isso é hilário'. As pessoas me chamaram de canibal, e os outros acreditaram nisso. Eles simplesmente aceitaram a ideia de que eu comia pessoas".

As mulheres que denunciaram Hammer incluem a ex-namorada Courtney Vucekovich, que detalhou sua experiência de abuso emocional durante o relacionamento e as fantasias sexuais perturbadoras que o ator havia confessado a ela. Outras três mulheres anônimas identificaram Hammer em denúncias de estupro e agressão.

Até o ano passado, Hammer seguia em investigação pelo Departamento de Polícia de Los Angeles (LAPD), que acabou descartando o caso por conta da "complexidade do relacionamento" entre o ator e a acusadora.

Omelete no Youtube

Confira os destaques desta última semana

Omelete no Youtube

Confira os destaques desta última semana

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a nossa Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.