Duna | Timothée Chalamet "stalkeou" Denis Villeneuve para conseguir papel

Créditos da imagem: Timothée Chalamet e Zendaya em cena de Duna (Reprodução)

Filmes

Notícia

Duna | Timothée Chalamet "stalkeou" Denis Villeneuve para conseguir papel

Ator conta como foi experiência no set e elogia a colega de elenco Zendaya

Caio Coletti
31.08.2021
08h54
Atualizada em
03.09.2021
15h25
Atualizada em 03.09.2021 às 15h25

Timothée Chalamet estava interessado em Duna muito antes de o diretor Denis Villeneuve oficializar a sua escalação como o protagonista. Em entrevista ao Deadline, o ator contou como conseguiu o papel de Paul Atreides no longa.

"É verdade, eu liguei o meu alerta do Google para notícias sobre Duna há muito tempo, assim que soube que Denis estava envolvido na adaptação. Também foi neste momento que comprei o livro, porque, sendo totalmente sincero, até então o meu entendimento de Duna se limitava a uma graphic novel que eu tinha folheado em uma loja de quadrinhos enquanto comprava cartas de Yu-Gi-Oh, aos 10 anos de idade", lembrou Chalamet.

A partir do anúncio de Villeneuve como roteirista e diretor de Duna, o ator recorreu a alguns metodos dignos de stalker para conseguir chamar a atenção dele. "Eu tentava de todo jeito estar nas mesmas salas que Denis, ou conseguir uma reunião com ele. Me lembro que uma noite, no BAFTA, minha amiga Stéphane Bak viu que ele estava do outro lado da sala e me chamou: 'Ei, cara, ele está aqui!'", brincou.

Deu certo, porque o cineasta canadense acabou chamando Chalamet para uma reunião durante o Festival de Cannes. "Ele perguntou se eu podia ir até lá, então simplesmente devorei a metade final do livro antes de encontrá-lo. A primeira metade da minha cópia de Duna está cheia de anotações e pensamentos, e a segunda está simplesmente em branco", contou.

O ator também foi só elogios ao elenco coadjuvantye de Duna, citando especificamente a sua boa relação com nomes como Jason Momoa, Josh Brolin, Oscar Isaac, Charlotte Rampling, Rebecca Ferguson Zendaya. Chalamet confessou, inclusive, que é um grande fã da estrela de Euphoria.

"Zendaya está incrível neste filme. O momento em que ela tira a máscara pela primeira vez é tão poderoso. Eu estava lá, assistindo à gravação, escondido atrás da câmera, sem acreditar na minha sorte, porque já estava no meu segundo mês de filmagens e ainda assim alguém incrível como ela estava chegando para adicionar ao filme", comentou.

Para Chalamet, a colega de elenco está "fazendo um trabalho incrível e criando a sua própria trajetória" em Hollywood. "Ela é muito, muito cool. Sabe, ela está no trailer mais assistido do momento, que é Homem-Aranha: Sem Volta Para Casa. Eu mal posso esperar por este filme. Fiz o mesmo que todos os fãs, assisti dando pause a cada frame para procurar as pistas", disse.

Na nova adaptação de Duna, Paul Atreides é um aristocrata cuja família aceita controlar o planeta-deserto Arrakis, produtor de um recurso valioso e disputado por diversas famílias nobres. Ele é forçado a fugir para o deserto - com a ajuda de sua mãe - e se junta a tribos nômades, eventualmente liderando-as por conta de suas habilidades mentais avançadas.

O livro de Frank Herbert é conhecido como uma das obras mais complexas da história da ficção científica, e já rendeu uma adaptação para as telonas dirigida por David Lynch, em 1984. No Brasil, os livros da franquia Duna são publicados pela Editora Aleph.

Duna estreia em 14 de outubro nos cinemas brasileiros e, de acordo com a janela de exibição, deve entrar 35 dias depois para o catálogo da HBO Max.

Omelete agora tem um canal no Telegram! Participe para receber e debater as principais notícias da cultura pop (t.me/omelete).

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.