O Esquadrão Suicida

Créditos da imagem: Warner Bros./Divulgação

Filmes

Artigo

O Esquadrão Suicida | Entenda as cenas pós-créditos do filme

Momentos antecipam retorno de personagens ao DCEU

Nico Garófalo
06.08.2021
10h00
Atualizada em
06.08.2021
11h06
Atualizada em 06.08.2021 às 11h06

[Muitos spoilers de O Esquadrão Suicida à frente]

O Esquadrão Suicida enfim chegou aos cinemas nesta quinta-feira (5) e, como já virou praticamente padrão em blockbusters, o longa conta com uma cena pós-créditos. E, de certo modo, uma cena “pré-créditos”, exibida entre a última aparição do logo do filme e os nomes dos responsáveis pela produção e os agradecimentos.

Como de costume, os momentos pavimentam o caminho para o retorno de personagens no futuro de DCEU, embora de formas diferentes. Grandes spoilers daqui para frente.

Como registrado na lista de óbitos, James Gunn não economizou nas mortes do filme, explodindo, afogando, esquartejando e empalando os personagens que tinha à disposição. Acontece que duas dessas mortes são desfeitas após a história principal: Doninha (Sean Gunn) e Pacificador (John Cena). Mesmo tendo seus óbitos declarados no decorrer de O Esquadrão Suicida, os vilões surpreendentemente chegam vivos ao fim da sessão.

Primeiro a morrer, Doninha é também o primeiro a ressuscitar. Horas, talvez dias depois de se afogar na costa de Corto Maltese, o serial killer animalesco acorda repentinamente, cuspindo a água que estava em seus pulmões. Assustado, o personagem de Gunn se levanta e sai correndo selva adentro, talvez garantindo uma participação na próxima empreitada da Força Tarefa X nos cinemas.

Já o Pacificador é recuperado quase morto pelo serviço secreto americano e levado de volta aos Estados Unidos, onde dois agentes de Amanda Waller (Viola Davis), John (Steve Agee) e Emilia (Jennifer Holland), falam sobre os planos da chefe da A.R.G.U.S. para o vigilante armado. A cena é uma clara introdução à já confirmada série do personagem escrita e dirigida por Gunn para a HBO Max.

O Esquadrão Suicida usa alguns dos mesmos personagens do longa original de 2016, de David Ayer, como a Arlequina (Margot Robbie), Amanda Waller (Viola Davis), Rick Flag (Joel Kinnaman) e Capitão Bumerangue (Jai Courtney), mas não tem tantas conexões com a trama do predecessor.

O longa é inspirado nas HQs do grupo na década de 1980, escritas por John Ostrander - que, inclusive, aparece no primeiro trailer - e Kim Yale. O Esquadrão Suicida já está em cartaz no Brasil.

O Omelete agora tem um canal no Telegram! Participe para receber e debater as principais notícias da cultura pop (t.me/omelete).

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.