Brenton Thwaites em Titãs

Créditos da imagem: DC Universe/Divulgação

Séries e TV

Notícia

Produções originais do DC Universe migrarão para a HBO Max, afirma Jim Lee

Patrulha do Destino e Harley Quinn já foram disponibilizadas no novo streaming da Warner

Nicolaos Garófalo
14.08.2020
21h31
Atualizada em
16.08.2020
20h00
Atualizada em 16.08.2020 às 20h00

Após dois anos no ar, a plataforma DC Universe deve parar de produzir uma programação original. De acordo com Jim Lee, publisher e chefe-criativo da DC Comics, as séries originais do site migrarão para a HBO Max, novo streaming da WarnerMedia. Em entrevista ao THR, o quadrinista afirmou que o site será modificado para manter a base de fãs do selo unidos como uma comunidade.

Das seis produções originais do DC Universe, duas já foram transmitidas oficialmente pela HBO Max: Patrulha do Destino e Harley Quinn. Já Titãs, exibida internacionalmente pela Netflix, e Justiça Jovem, ambas renovadas para novas temporadas, terão seus episódios inéditos levados à nova plataforma. Stargirl terá seu segundo ano exibido na CW, que já transmitiu o primeiro ano da série.

Vale lembrar que, além das adaptações de propriedades da DC, o DC Universe também abriga cerca de 20 mil títulos do acervo da editora e abre espaço para que usuários conversem e interajam entre si.

Após comprar a Warner, a AT&T acumulou cerca de US$ 153 bilhões em dívidas. Além das demissões da DC, a empresa também estaria tentando vender a plataforma de streaming Crunchyroll para cobrir o valor – saiba mais.