Séries e TV

Lista

Bentô #7 - Mães dos animes que são melhores que seus filhos

No Dia das Mães, relembre grandes mães dos animes

A cozinha
10.05.2020
12h00
Atualizada em
13.05.2020
12h45
Atualizada em 13.05.2020 às 12h45

Assim como na vida, as mães fazem um papel muito importante na cultura pop. Similares pelo grande amor e cuidado com seus filhos, elas têm características diferentes que as tornam únicas. Na sétima edição do Bentô, relembramos grandes mães da história dos animes - que são até melhores que seus filhos.

Midoriya Inko - Boku no Hero

Midoriya Inko é a mãe de Midoriya Izuku, o protagonista de Boku no Hero. Além de criar o garoto sozinha, já que seu marido está sempre viajando a trabalho, ela cumpre um papel fundamental em apoiá-lo quando descobrem que ele não tem individualidades - nome dado aos superpoderes desse universo. Superprotetora e preocupada, nunca deixa de incentivar seu filho, chegando a criar o uniforme que ele passa a usar quando recebe seus poderes.

Atsuko Urameshi - YuYu Hakusho

Após conhecer a história de Atsuko Urameshi fica fácil entender como seu filho Yusuke se tornou tão determinado. Grávida aos 14, ela teve de criar o protagonista de YuYu Hakusho sozinha, tarefa que exige uma força que foi absorvida pelo garoto, que mesmo se envolvendo em problemas na escola nunca deixou de lutar pelo que é certo e muito menos aceitou a derrota.

Delia Ketchum - Pokémon

Uma das partes mais difíceis na criação de um filho está na hora em que ele precisa sair de casa para viver sua vida. Porém, esse não foi um problema para Delia Ketchum, que viu seu filho Ash partir em uma longa jornada em busca do sonho de se tornar um Mestre Pokémon. Vale lembrar que ela mesma é uma grande treinadora, chegando a vencer batalhas contra a Equipe Rocket no derivado Pokémon Chronicles.

Hana - Crianças Lobo

O filme Crianças Lobo acompanha a jornada de Hana, uma mulher que precisa criar seus dois filhos, fruto de seu amor com um Homem-Lobo. Focado em acompanhar o desenvolvimento da família, o anime mostra as diversas dificuldades que ela teve de enfrentar para mantê-los unidos.

Moro - Princesa Mononoke

Considerado um dos filmes mais adultos do Studio Ghibli, Princesa Mononoke mostra uma das mais complexas relações entre mãe e filha dos animes. O filme acompanha San, cujos pais biológicos são pegos tentando desmatar a floresta que a deusa lobo Moro protege. Quando o casal oferece seu bebê como sacrifício, ela acolhe a garota e aos poucos aprende a conviver com ela, apesar de todo o ódio que sente pelos humanos.

Hinata, Sakura e Temari - Boruto

O Naruto clássico apresentou uma geração inteira de ninjas que cresce conforme o anime avança. Após chegar ao fim, o universo voltou com o lançamento de Boruto, um anime focado no filho do ninja loiro. A sequência mostra que algumas das principais ninjas da primeira versão se tornaram mães. Hinata Hyuuga, a esposa de Naruto, vira mãe de Boruto e Himawari. Sakura Haruno tem Sarada, sua filha com Sasuke e Temari dá a luz à Shikadai, seu filho com Shikamaru.

Chi Chi, Bulma e Andróide 18 - Dragon Ball Z:

O ponto de partida de Dragon Ball é o início da jornada do Goku, ainda criança, em busca das Esferas do Dragão. O clássico mangá de Akira Toryiama acompanha o crescimento do garoto, que ao se tornar adulto inaugura a fase Dragon Ball Z. Essa nova etapa mostra o surgimento de várias mamães nesse universo. O próprio Goku se casa e tem dois filhos com Chi Chi, sua antiga amiga Bulma se torna mãe do Trunks com o Vegeta, e por fim a ex-vilã Andróide 18 se casa com Kuririn, com quem tem a jovem Marron.