X-Men: Fênix Negra | Jennifer Lawrence voltou para o filme por causa de promessa

Filmes

Notícia

X-Men: Fênix Negra | Jennifer Lawrence voltou para o filme por causa de promessa

Atriz garantiu que estrelaria produção se Simon Kinberg a dirigisse

Mariana Canhisares
07.12.2017
19h14
Atualizada em
29.06.2018
02h48
Atualizada em 29.06.2018 às 02h48

Jennifer Lawrence revelou, em entrevista à Entertainment Weekly, que só topou fazer X-Men: Fênix Negra por causa de promessa que fez para o diretor, Simon Kinberg.

"Meio que me fodi, porque quando estava começando a falar com Simon sobre direção, ele disse 'se eu dirigir, você tem que fazer o filme. E eu respondi 'ah, claro!' Então, eles me ofereceram o filme e eu fiquei 'droga!'. Também tem a base de fãs - a outra razão foram os fãs."

A atriz também explicou por que resistiu em voltar para a franquia. "Amo esses filmes - o problema é a tinta. Eu tinha 20 anos [quando fiz X-Men: Primeira Classe] e não me importava com fumo e toxinas e agora tenho quase 25 anos e fico 'não consigo nem pronunciar isso e ele vai para o meu nariz? Vou respirar assim?"

O filme é situado em 1992, dez anos após os eventos de X-Men: Apocalipse. Agora, Mística (Jennifer Lawrence), Fera (Nicholas Hoult), Tempestade (Alexandra Shipp), Noturno (Kodi Smit-McPhee) e Mercúrio (Evans Peters) são considerados heróis nacionais. Charles Xavier (James McAvoy) consegue a capa da revista Time. Mas esse ego coloca a equipe em risco. Depois de serem despachados para uma missão no espaço, um raio solar atinge o X-Jato e esse aumento de energia desperta uma força maligna em Jean - a Fênix. O longa é parcialmente baseado nas HQs de Chris Claremont

Simon Kinberg dirige o filme, que chega aos cinemas em 2 de novembro de 2018.