HQ/Livros

Notícia

Alan Moore diz que recusou cerca de US$ 2 milhões para "abençoar" Antes de Watchmen

Escritor explica que não há dinheiro que compre seus princípios

Érico Borgo
10.08.2012
19h40
Atualizada em
29.06.2018
02h48
Atualizada em 29.06.2018 às 02h48

Alan Moore manifestou-se sobre os prelúdios de Watchmen que a DC Comics está produzindo. O autor da graphic novel, que não aprova as séries derivadas, batizadas Before Watchmen, disse ao Left Lion que recusou cerca de 2 milhões de dólares para dar sua "benção" ao projeto. E que o fez por princípíos.

Alan Moore

None
Alan Moore

"Eles me perguntaram se poderiam me dar uma montanha de dinheiro para eu abençoar esses prelúdios em quadrinhos a Watchmen - que eles fariam de qualquer maneira - e isso representava uns 2 milhões de dólares. Com o tanto de filmes que pode sair daí, isso provavelmente aumentaria para mais alguns milhões.

Mas vocês não pode comprar esse tipo de poder. Você tem que saber que certas coisas não têm preço. Não há dinheiro o suficiente para fazer eu comprometer meus princípios e, afinal, isso não faria a menor diferença mesmo. Minha sugestão é que as pessoas não façam coisas assim, do contrário você será manipulado por dinheiro - e você não quer ser controlado pelo dinheiro. Ter dinheiro é bom, permite que você aproveite a vida e seja útil a outras pessoas. Mas como algo que um mero meio para um fim, não, é inútil" , declarou.

As minisséries Before Watchmen estão sendo lançadas desde junho nos EUA.

Leia mais sobre Before Watchmen

Leia também:
Omelete Entrevista: Alan Moore - Parte 2
Omelete Entrevista: Alan Moore - Parte 1

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.