San Diego Comic Con

Artigo

The Walking Dead | Teaser aponta para perigos internos no 9º ano; entenda

Rick pode voltar a precisar olhar para dentro do grupo se quiser manter a segurança de todos

Oferecimento
Rafael Gonzaga
19.07.2018
17h56
Atualizada em
19.07.2018
18h38
Atualizada em 19.07.2018 às 18h38

Você acha que tem tudo sob controle?

É a voz de Negan (Jeffrey Dean Morgan) que abre o teaser da nona temporada de The Walking Dead, primeiro vislumbre em vídeo oferecido pela AMC da nova remessa de episódios - confira prévia aqui. Mesmo derrotado no fim do oitavo ano, parece que o vilão sádico não deixará de impactar de alguma forma a vida de Rick (Andrew Lincoln) e dos demais sobreviventes nos capítulos inéditos.

A provocação de Negan à utopia de Rick não é gratuita: o ex-policial precisou empregar todas as suas forças nos últimos anos para salvar sua família e quem mais escolheu segui-lo e, com esse, não sobrou tempo para avaliar como algumas de suas ações geraram desconfortos internos. A oitava temporada terminou com Maggie (Lauren Cohan) e Daryl (Norman Reedus), dois dos maiores aliados de Rick desde que as primeiras temporadas, formando uma espécie de aliança para, em algum momento, passar por cima da decisão do líder alexandrino de preservar a vida de Negan como prova de civilidade. Pelo que o teaser indica, é desse tipo de conflito que os novos episódios tratarão.

Já faz muito tempo que Rick teve seus rivais surgindo de dentro do grupo do qual faz parte - a última vez que isso aconteceu de forma realmente significativa foi quando Shane (Jon Bernthal) se tornou um problema na segunda temporada. Desde então, todas as grandes ameaças vieram de fora: Governador (David Morrisey), os canibais de Terminus, os Lobos e, é claro, Negan. A presença de perigos externos fizeram com que o grupo se unisse em prol da própria sobrevivência por uma questão de prioridade, mas, com o fim do drama dos Salvadores e a perspectiva de paz no horizonte, é provável que rusgas internas voltem a assumir o antagonismo do novo ano.

Sobre reconstruir a sociedade de forma pacífica, há um momento curioso que mostra Rick passando por uma placa que indica as comunidades ao redor. Ela pontua o que parece ser Hilltop, Oceanside, Alexandria, Santuário e até uma chamada Toledo, o que aponta para investidas em encontrar outras comunidades para novas parcerias. O encerramento do teaser é, contudo, bastante simbólico: após Rick passear por um acampamento que reúne seus aliados em um clima de harmonia entre todos, a sequência é interrompida por Daryl entrando em confronto físico com alguém.

"Precisamos falar sobre criar algumas regras”, diz Michonne (Danai Gurira) no trailer, se dirigindo a Maggie, justamente quem parece estar colocando um plano secreto em prática com Daryl. A frase seguinte de Michonne, que encerra a pequena prévia pode ser entendida como uma acordo de paz para a construção de um novo mundo e, ao mesmo tempo, uma ameaça. “Um acordo entre todas as comunidades, do tipo: 'É assim que nos tratamos, e isso é o que acontece quando não nos tratamos assim'".

Mais detalhes sobre a nova temporada de The Walking Dead estarão disponíveis no trailer completo que será liberado em 20 de julho na San Diego Comic-Con 2018.

Acompanhe a cobertura completa do Omelete na San Diego Comic-Con pela nossa página especial, no Facebook, no Instagram, no Twitter e no YouTube.