Séries e TV

Lista

The Walking Dead | As melhores referências ao passado na despedida de Rick

Confira os principais easter eggs do episódio especial

Rafael Gonzaga
05.11.2018
15h29

"What Comes After", quinto episódio da nona temporada de The Walking Dead, se despediu de Rick Grimes (Andrew Lincoln) e, no processo, retornou a alguns de seus momentos mais célebres. Seja na alucinações do ex-xerife, que trouxe de volta nomes como Shane (Jon Bernthal) e Hershel (Scott Wilson), ou em pequenas referências de diálogos, fãs da série puderam relembrar passagens icônicas dos oito anos anteriores da atração da AMC. Confira abaixo as principais referências:

A mesma cama de hospital

Reprodução/ AMC
Reprodução/ AMC

Durante "What Comes After", Rick retorna ao hospital que foi seu ponto de partida no apocalipse zumbi diversas vezes - sua primeira cena no episódio é justamente em uma alucinação onde ele conversa com sua versão mais jovem, deitada na cama onde outrora despertou e descobriu que o mundo não era mais o mesmo.

Helicópteros por todos os lados

Reprodução/ AMC
Reprodução/ AMC

Um dos principais mistérios é o recorrente helicóptero que pontualmente aparece rondando a cabeça dos sobreviventes. Na nona temporada, ele começou a se tornar mais próximo - muito em função de Jadis (Pollyanna McIntosh) e de sua conexão misteriosa com seus pilotos. Se o helicóptero era intrigante para o público, também o era para Rick: em sua alucinação, o ex-xerife vê um enxame de helicópteros voando em sua direção.

Rick a cavalo na estrada

Reprodução/ AMC
Reprodução/ AMC

O ex-xerife passa parte considerável do episódio caminhando por uma longa estrada montado em um cavalo, enquanto uma horda de zumbis o acompanha vagarosamente. A sequência é uma alusão à icônica primeira jornada de Rick no apocalipse zumbi, onde o sobrevivente atravessou Atlanta de forma semelhante.

Trailer de Anne

Reprodução/ AMC
Reprodução/ AMC

Lembra do Heath (Corey Hawkins)? Ele ainda pode estar por aí e o episódio fez uma leve alusão ao personagem desaparecido. Anne estava dirigindo o mesmo trailer que Heath e Tara (Alanna Masterson) estiveram antes de Heath sumir durante a sétima temporada. Levando em conta que Anne tem negociado pessoas por suprimentos, não seria uma surpresa tão grande descobrir que Heath agora faz parte do misterioso grupo.

Rick e Shane amigos de novo

Reprodução/ AMC
Reprodução/ AMC

O primeiro fantasma do passado que aparece é Shane, em uma cena semelhante a outra da primeira temporada, onde os dois - ainda amigos - almoçam a mesma coisa do piloto dentro da viatura e falam sobre a família. Os dois voltam ao ponto onde tudo começou, quando a dupla perseguia os bandidos que fizeram Rick ir parar no hospital antes da infecção zumbi se alastrar. Há um momento de redenção entre a dupla, que fala sobre Judith e onde Rick pede desculpas a Shane pela morte do amigo, que diz “você precisa superar isso”, enterrando de vez esse esqueleto.

Momentos macabros

Reprodução/ AMC
Reprodução/ AMC

Durante a conversa de Rick e Shane, aliás, o ex-melhor amigo do ex-xerife fala sobre alguns dos episódios mais sangrentos da série. “Quero que você pense em como você arrancou a garganta daquele desgraçado. O cretino na igreja com o facão vermelho”. As referências são de quando Rick matou Joe (Jeff Kober) a dentadas no final da quarta temporada e quando o protagonista assassinou o canibal Gareth (Andrew J. West) no quinto ano.

De volta à fazenda Greene

Reprodução/ AMC
Reprodução/ AMC

O segundo reencontro de Rick é com o velho Hershel Greene, o pai de Maggie (Lauren Cohan) e Beth (Emily Kinney) que foi decapitado de forma chocante pelo Governador anos antes. Rick volta à fazenda do homem - mais especificamente ao celeiro onde Sophia, a filha desaparecida de Carol (Melissa McBride), foi mantida trancada após virar um zumbi -, onde chegou com Carl (Chandler Riggs) no colo após um ferimento quase letal. Rick pede desculpas por não ter evitado os sofrimentos de Maggie e Hershel diz que ele não precisa mais se preocupar: “minha garota é forte”, diz.

Sasha no campo de mortos

Reprodução/ AMC
Reprodução/ AMC

Ainda durante suas alucinações, Rick retorna ao hospital e encara a icônica porta com os dizeres “não abra, mortos do lado de dentro”. O ex-xerife entra na cafeteria do hospital e entra em um enorme campo onde o chão está coberto pelos corpos dos seus amigos e de personagens antigos que já se despediram da atração. No meio deles, um se ergue: Sasha (Sonequa Martin-Green), que se sacrificou bravamente para salvar seus amigos das atrocidades de Negan (Jeffrey Dean Morgan).

Capa icônica

Reprodução/ AMC
Reprodução/ AMC

A cena de Rick alucinando no campo de mortos não foi imaginada especificamente para a série: na verdade, fãs dos quadrinhos reconhecem a imagem como uma das capas variantes da centésima edição de The Walking Dead de papel - dá para ver vários mortos na pilha, como Daryl, Carol, Rosita (Christian Serratos), Eugene (Josh McDermitt), Jerry (Cooper Andrews), Morgan (Lennie James), Jesus (Tom Payne), além de pessoas muito parecidas com Carl e Beth. Nas HQs, esse é o pior pesadelo de Rick.

De joelhos, Negan

Reprodução/ AMC
Reprodução/ AMC

Quando Maggie confronta Negan, de forma muito semelhante aos quadrinhos, a primeira coisas que a líder de Hilltop faz é exigir que o vilão de ponha de joelhos. Isso faz parte do processo de vingança da viúva de Glenn (Steven Yeun): quando seu marido foi assassinado, o ex-líder exige que todas suas potenciais vítimas se coloquem de joelhos. Pouco antes disso, vale lembrar que Maggie esmaga com repetidos golpes a cabeça de um zumbi, de forma semelhante ao que Negan fez com o pai de seu filho.

“Nós não morremos”

Reprodução/ AMC
Reprodução/ AMC

A última visão de Rick não é com os mortos, mas com os vivos. Já na ponte, quase sucumbindo ao ferimento, o ex-xerife vê todos seus companheiros lutando com a horda de zumbis para salvá-lo. No meio do caos, Michonne (Danai Gurira) se ajoelha em sua frente e diz a célebre frase: “nós não morremos”, que ficou marcada durante a sétima temporada, quando o próprio xerife disse isso à companheira.

Judith Grimes

Reprodução/ AMC
Reprodução/ AMC

Nos minutos finais do episódio, fica claro que há um salto temporal: Judith (Caily Fleming) cresceu e está com a idade aproximada a de Carl no começo da série. A menina aparece para salvar os recém chegados Magna (Nadia Hilker) e seus amigos e há detalhes importantes em como a menina se apresenta. Ela carrega uma espada como Michonne e a arma que era de seu pai - possivelmente encontrada nas buscas pelo corpo de Rick. Além disso, é claro, ela usa o chapéu de Rick assim como fazia seu irmão Carl.

BÔNUS: música repetida

A faixa "Space Junk", da banda Wang Chung, embala o final do piloto de The Walking Dead, quando o destino de Rick Grimes, preso dentro de um tanque cercado por zumbis, é incerto. No fim de "What Comes After", o público também não sabe exatamente o que acontecerá com o ex-xerife - nada mais justo que encerrar o capítulo com a mesma faixa.