Naomie Harris em Venom: Tempo de Carnificina

Créditos da imagem: Venom: Tempo de Carnificina/Sony Pictures/Reprodução

HQ/Livros

Artigo

Venom: Tempo de Carnificina | Quem é Shriek e por que ela pode ser importante

Poderes da personagem de Naomie Harris ficaram mais evidentes em nova prévia da sequência

Mariana Canhisares
02.08.2021
16h09
Atualizada em
02.08.2021
16h42
Atualizada em 02.08.2021 às 16h42

A tão aguardada transformação de Cletus Kasady (Woody Harrelson) em Carnificina se concretizou no novo trailer de Venom: Tempo de Carnificina, e este é sem dúvidas o grande destaque da prévia. Contudo, há pelo menos mais um momento para prestar atenção. Porque, discretamente, outra personagem também deu um gostinho da extensão dos seus poderes: Shriek.

Interpretada por Naomie Harris, a personagem foi criada no início dos anos 1990 por Ron Lim e Tom Defalco, na primeira edição de Spider-Man Unlimited. Considerada uma supervilã -- além de uma adversária do Homem-Aranha, como tantos outros personagens que habitam o universo cinematográfico desenvolvido pela Sony --, Shriek é amante de Kasady nos quadrinhos.

Shriek
Marvel Comics/Reprodução

Os dois se conhecem na instituição psiquiátrica Ravencroft -- que, por sinal, também está nos trailers de Venom: Tempo de Carnificina --, e encontram conforto nas histórias de vida difíceis um do outro. No caso, ela sofreu abuso verbal da mãe durante toda infância, quando ainda atendia pelo nome Frances Louise Barrison, e eventualmente se envolveu com drogas.

Mas a relevância de Shriek para a história da sequência vai além do possível romance com o principal vilão, ou do seu passado conturbado. Está nas suas habilidades: ela é capaz de manipular o som de várias maneiras possíveis, causando até mesmo explosões sônicas. Acontece que simbiontes, como Venom, são bastante sensíveis a elas, o que a torna uma ameaça para o protagonista -- e uma aliada e tanto para o Carnificina.

O diretor Andy Serkis já havia adiantado ao IGN que a personagem “é perigosa também”. “Ela tem seu próprio senso de justiça e, quando essa linha é cruzada, você vê um lado muito, muito perigoso e sombrio”. Vale notar, porém, que não são apenas Venom e Eddie Brock que correm riscos graves ao se encontrar com Shriek. Em Carnificina Total, por exemplo, ela usou seus poderes para mexer com o lado sombrio do psicológico dos cidadãos de Nova York, estimulando-os a serem violentos. Ou seja, ninguém está a salvo se ela de fato escapar de Ravencroft e se associar ao Carnificina, como parece sugerir a nova prévia. Veja:

Venom: Tempo de Carnificina chega aos cinemas em 16 de setembro de 2021. Além de Naomie Harris e Woody Harrelson, o longa conta com os retornos de Tom Hardy no papel principal e Michelle Williams como Anne.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.