Séries e TV

Artigo

The Killing - 4ª temporada | Preview

Um novo caso, detetives perturbados e mais chuva

Aline Diniz
21.07.2014, às 19H41
ATUALIZADA EM 29.06.2018, ÀS 02H47
ATUALIZADA EM 29.06.2018, ÀS 02H47

The Killing é o mais recente projeto salvo pela Netflix, que resolveu resgatá-lo e finalizá-lo. No entanto, mais que salvá-la, o canal de streaming deu à série uma nova roupagem, mais despojada e despreocupada. Em um universo que contém tantas restrições como os canais abertos e semi-abertos dos EUA, seguir para uma rede em que a criatividade é liberada e encorajada é libertador.

The Killing

None

The Killing poster

None

The Killing

None

Como as duas primeiras temporadas abordaram apenas um tema, o assassinato de Rosie Larsen, e ao final do segundo ano a série passou por dificuldades de renovação, não ficou estabelecido um fluxo narrativo específico em The Killing. O terceiro ano mostrou mudanças nas vidas de Sarah Linden (Mireille Enos) e Stephen Holder (Joel Kinnaman), que foram pessoalmente afetados com o último caso que investigaram. Existiu um salto temporal, mesmo que curto, mas que apontou grandes mudanças nas vidas dos protagonistas.

A quarta temporada começa onde a terceira deixou, retomando o desespero dos dois após os acontecimentos anteriores. No entanto, o foco é compartilhado com um novo crime - que será investigado por Linden e Holder. A dificuldade da investigação cresce quando o principal suspeito é um jovem menor de idade e militar, categorias protegidas por tribunais diferentes nos EUA.

Assim como Arrested Development, a identidade principal da série foi mantida. A neblina e a chuva característicos de Seattle, o filtro escuro e a melancólica trilha que constituíram a série inicialmente permanecem, com a adição de palavrões. Não são muitos, mas dão o tom que faltava à The Killing, a abertura que os personagens se expressem sem limitações.

Por ser tão nova, The Killing já teve de passar por diversas provações. Mas os dois cancelamentos e dois resgates não abalaram sua estrutura que, pelas competentes mãos de Enos e Kinnaman, conseguiu voltar mais forte do que nunca na Netflix.

Todos os episódios da quarta temporada de The Killing chegam nos territórios onde a Netflix opera em 1º de agosto. As três primeiras temporadas já estão disponíveis para streaming.

Conteúdo Patrocinado

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.