Arte da Mostra MacaBRo, evento de filmes de terror brasileiros do CCBB

Créditos da imagem: Divulgação

Filmes

Notícia

Cinema brasileiro de horror é foco de evento online do CCBB em outubro

Mostra MacaBRo dará destaque aos filmes e cineastas de gênero do Brasil

Arthur Eloi
21.10.2020
18h55

O Centro Cultural Banco do Brasil terá um evento virtual dedicado ao cinema brasileiro de terror. A Mostra MacaBRo - Horror Brasileiro Contemporâneo começa na semana do Halloween, com filmes, cursos e debates sobre o gênero no Brasil.

Por conta da pandemia do coronavírus, a exposição será inteiramente virtual, e acontece entre os dias 28 de outubro e 23 de novembro. Durante esse período, haverá exibição de 40 filmes, entre longas e curta-metragens, tudo pela plataforma de streaming Darkflix, que também foi sede do Fantaspoa 2020. As sessões serão gratuitas, com número de espectadores máximos e prazo de 24 horas para os longas, e uma semana em cartaz para os curtas.

A seleção de filmes inclui títulos como Morto Não Fala (2019), de Dennison Ramalho; Sem Seu Sangue (2020), de Alice Furtado, exibido no Festival de Cannes; O Cemitério das Almas Perdidas (2020), de Rodrigo Aragão; O Animal Cordial (2018), de Gabriela Amaral; entre muitos outros.

Como 2020 também foi marcado pelo triste falecimento de José Mojica Marins, criador do horror no Brasil e do personagem Zé do Caixão, haverá uma homenagem ao cineasta no evento. Além da figura do coveiro estampar as artes de divulgação, dois curtas comandandos por Mojica Marins serão exibidos. Veja o cartaz abaixo:

Para amarrar tudo, haverá ainda palestras e lives de discussão com cineastas convidados e críticos de cinema, sobre as várias facetas do horror brasileiro. As inscrições para estes serão realizadas através do aplicativo Sympla.

Essa não é a primeira mostra do Centro Cultural Banco do Brasil dedicada ao terror. Em 2019, o CCBB organizou um evento em homenagem ao autor Stephen King - saiba mais.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.