Winona Ryder e Timothée Chalamet em comercial inspirado em Edward Mãos-de-Tesoura, mostrado no Super Bowl

Créditos da imagem: Cadillac/Youtube/Reprodução

Filmes

Lista

Os melhores comerciais do Super Bowl 2021

Astros de Hollywood dão as caras em propagandas durante a final da NFL

A cozinha
07.02.2021
16h25
Atualizada em
07.02.2021
23h29
Atualizada em 07.02.2021 às 23h29

Além de ser um prato cheio para os fãs de futebol americano, o Super Bowl também é importante para quem curte cultura pop. Por ser um dos maiores eventos televisivos dos Estados Unidos, os estúdios e agências de publicidade aproveitam os intervalos para divulgarem suas novidades. Isso significa trailers inéditos de filmes e séries muito aguardados, e também comerciais criativos, repletos de astros de Hollywood.

Abaixo, listamos os melhores comerciais do Super Bowl de 2021 que brincam com a cultura pop!

Edgar Mãos-de-Tesoura

Para demonstrar a função de autonavegação de seu novo carro, a Cadillac imaginou uma "sequência" de Edward Mãos de Tesoura em que Timothée Chalamet (Duna) vive Edgar, filho do personagem vivido por Johnny Depp no clássico de 1990 de Tim Burton. O comercial conta ainda com o retorno de Winona Ryder.

O hit chiclete de The Weeknd

"Blinding Lights", um dos maiores sucessos de 2020, é uma música altamente contagiante, daquelas que ficam na sua cabeça por semanas (ou até mais). Aproveitando que The Weeknd, autor do hit, se apresentará no show do intervalo, a Pepsi (que patrocina a apresentação) preparou uma propaganda sobre o potencial contagiante da música.

Quanto Mais Manipulado Melhor

Uber Eats apostou na metalinguagem e fez um comercial que brinca com o poder de manipulação de comerciais. A melhor parte: com um talk show apresentado por Wayne e Garth de Quanto Mais Idiota Melhor, novamente vividos por Mike Myers e Dana Carvey. Com a participação de Cardi B, tudo que a propaganda deixa é a vontade de que esse fosse um programa de verdade.

Bruce Springsteen e o caminho do meio

Bruce Springsteen não aparece cantando ou tocando neste comercial, mas a Jeep leva The Boss literalmente ao centro dos Estados Unidos para fazer um monólogo sobre a necessidade de curar as feridas dos norte-americanso e encontrar o caminho do meio. Ele aparece acendendo uma vela, tocando o solo e explorando uma paisagem deserta com seu Jeep, enquanto ouvimos sua mensagem poderosa.

O ultimato da cerveja

Heróis se unem para salvar o dia, mas não são nem os Vingadores nem é o mundo que precisa ser salvo: liderados por Post Malone, garotos-propagandas da Bud Light do passado atravessam portais interdimensionais para salvar um caminhão de cerveja tombado e reparar o desaparecimento das bebidas do mercado.

Não mexa com Samuel L. Jackson

Samuel L. Jackson está acostumado a interpretar personagens que deixam todos em volta um tanto quanto intimidados, e não é diferente com sua versão virtual nesta propaganda da operadora de celular Verizon. Imerso em um cenário de games, o avatar do ator exorta gamers a deixarem de lado as desculpas e começar a usar o 5G da operadora. O comercial ainda acaba fazendo referência a uma cena de Do Fundo do Mar, em que o personagem de Jackson é inesperadamente comido por um tubarão.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.