Cena de The Mandalorian

Créditos da imagem: Lucasfilm/Divulgação

Séries e TV

Notícia

The Mandalorian | Como a série recriou personagem clássico

Produção utilizou mesmo processo visto em A Ascensão Skywalker e Rogue One

A cozinha
18.12.2020
21h18

[Spoilers da segunda temporada de The Mandalorian à frente]

Capítulo que encerra a segunda temporada de The Mandalorian, “O Resgate” trouxe um dos maiores personagens da saga Star Wars de volta. Usando as mesmas técnicas de computação gráfica vistas em Rogue One e A Ascensão Skywalker, o final do novo ano resgatou um jovem Luke Skywalker, que aparece de última hora para resgatar Din Djarin (Pedro Pascal) e a Criança/Grogu dos Death Troopers.

Mais uma vez, o departamento de CGI da Lucasfilm usou uma máscara digital de Mark Hamill em um dublê, desta vez Max Lloyd Jones. Assim como nos filmes, cenas dos longas da Trilogia Original foram usadas para recriar as expressões de Luke, que substituíram o rosto do ator presente no set por meio de um processo de captura de movimento – confira abaixo um featurette de Rogue One.

Série original do Disney+, The Mandalorian acompanha as aventuras pela galáxia do mandaloriano Din Djarin (Pedro Pascal), um caçador de recompensas que vê sua vida mudar totalmente quando um trabalho coloca A Criança (ou Baby Yoda) em seu caminho. A história se situa alguns anos depois da derrota do Império pela Aliança Rebelde, vista em O Retorno de Jedi (1983), terceiro filme da trilogia original da saga Star Wars, criada por George Lucas.

Além de referências a personagens e acontecimentos dos episódios IV a VI, como Boba Fett, The Mandalorian também traz elementos e personagens das séries animadas The Clone Wars e Rebels, como a ex-aprendiz de Anakin Skywalker, Ahsoka Tano, que vai ganhar uma série derivada também no Disney+.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.