Star Wars | "Não havia como continuar sem ela", diz diretor sobre Carrie Fisher

Créditos da imagem: Star Wars: Os Últimos Jedi/LucasFilm/Divulgação

Filmes

Notícia

Star Wars | "Não havia como continuar sem ela", diz diretor sobre Carrie Fisher

J.J. Abrams fala dos desafios sobre manter a personagem no Episódio IX

Arthur Eloi
12.04.2019
13h31
Atualizada em
12.04.2019
21h06
Atualizada em 12.04.2019 às 21h06

O Episódio IX de Star Wars tinha nas mãos um grande desafio: continuar sem Carrie Fisher, que viveu Leia desde o início da franquia mas faleceu em dezembro de 2016. Durante o painel do filme na Star Wars Celebration 2019, o diretor J.J. Abrams falou sobre o legado da atriz e sobre o desafio em mantê-la no longa.

"Ela era a melhor, era gloriosa e incrível. Nós amávamos ela, a conheço desde antes do Episódio VII, e simplesmente não havia como continuar sem ela", disse o diretor. "É impossível escalar outra pessoa ou então fazê-la desaparecer. Por sorte, foi um estranho milagre ver que haviam algumas cenas não-utilizadas de O Despertar da Força e perceber que talvez houvesse uma forma de continuar a sua história com ela."

"A ideia de tê-la como CG nunca foi cogitada, mas pensamos em escrever cenas ao seu redor. Todos os dias pesa que ela não está aqui, mas é bem surreal que ainda estamos trabalhando com ela: ela ainda está nas cenas, e em algumas com sua filha Billie Lourd, que também está no filme", contou Abrams.

Star Wars: A Ascensão Skywalker estreia em 19 de dezembro.