Filmes

Artigo

Star Wars: A Ascensão Skywalker será o melhor filme da franquia?

Comentamos nossas expectativas para a produção

A cozinha
27.11.2019
14h02

Star Wars: A Ascensão Skywalker chega aos cinemas em 19 de dezembro e há uma grande expectativa dos fãs, já que a trama do filme encerrará a jornada dos Skywalkers no cinema. Uma das grandes dúvidas é como o tema da Força será tratado no longa. Enquanto alguns fãs esperam algum tipo de redenção de Kylo Ren, a jovem Rey aparece rapidamente em uma das prévias com um sabre vermelho, que indica o Lado Sombrio. Talvez os dois personagens realmente troquem de lugar entre o bem e o mal, ou o filme mostre que o equilíbrio da Força só pode ser atingido com os dois lados.

O nome do longa é outro ponto que gera dúvida entre os fãs [cuidado com spoilers de Os Últimos Jedi a seguir]. Até onde se sabe, Luke era o último personagem que tinha o sobrenome Skywalker (Leia assina como Organa e Kylo Ren é Ben Solo) e, com sua morte no longa anterior, surge a questão de como será a citada “Ascensão Skywalker”. Uma das apostas é que o nome se tornará um título, como Jedi, para aqueles que alcançam o equilíbrio da Força.

Vale lembrar que tal questão já foi tratada na animação Star Wars Rebels pela personagem Ahsoka Tano, que saiu do clássico embate entre o "bem e o mal" dos Jedi e Sith e decidiu viver a Força por si própria, com um sabre branco que não indica nenhum lado.

Rey (Daisy Ridley), Finn (John Boyega) e Poe Dameron (Oscar Isaac) são os três protagonistas desta nova fase de Star Wars nos cinemas e, já que isso não foi mostrado nas produções anteriores, é esperado que o terceiro filme desenvolva mais pontos da vida pessoal, especialmente de Finn e Poe. Enquanto é mostrado que Finn era um Stormtrooper no passado, a história de Poe é uma incógnita e ele pode ganhar mais espaço neste longa.

Confira acima nosso OmeleTV de expectativas para o filme.