Filmes

Notícia

Star Wars: Os Últimos Jedi | "Recebi ameaças de morte por conta do filme", diz Rian Johnson

Diretor falou sobre a reação dos fãs ao longa

Fábio de Souza Gomes
03.04.2018
20h49
Atualizada em
29.06.2018
02h46
Atualizada em 29.06.2018 às 02h46

O diretor Rian Johnson revelou que sofreu ameaças de morte por conta de Star Wars: Os Últimos Jedi. O cineasta falou em entrevista ao Evening Standard (Via Bleeding Cool), que precisou aprender a lidar com a reação dos fãs.

“Aconteceu o balanço de algumas coisas – 90% das coisas que recebi online não eram apenas amorosas e encorajadoras, mas fenomenalmente inteligentes. Fãs me mandavam dissertações sobre o filme. O outro 10% é só barulhento e acaba ampliado. De início eu fiquei com medo, mas então percebi que o motivo da raiva eram as coisas que eu mais tinha orgulho no filme”, afirmou.

Johnson criará uma nova trilogia separada da saga original e, além de introduzir novos personagens, promete ser ambientada em "um canto da galáxia jamais explorado por Star Wars".  

Johnson pode não dirigir os três filmes (leia mais), mas será o responsável por estruturar os três filmes ao lado de Ram Bergman (produtor que é seu parceiro desde A Ponta de um Crime). 

A nova trilogia deve começar a ser filmada em junho, de acordo com o jornal escocês Daily Record.  O primeiro filme deve usar locações na região de Argyll, na passagem histórica Rest and Be Thankful (soldados colocaram os dizeres "descanse e seja grato" em uma pedra para comemorar a conclusão da estrada em 1753, a marca origina foi perdida e substituída por uma versão comemorativa).

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.