Tyler James Williams em Todo Mundo Odeia o Chris

Créditos da imagem: Todo Mundo Odeia o Chris/Divulgação

Séries e TV

Lista

Todo Mundo Odeia o Chris | Veja onde está o elenco da comédia

Série foi concluída há 11 anos, em maio de 2009

Arthur Eloi
20.05.2020
18h58
Atualizada em
25.05.2020
13h10
Atualizada em 25.05.2020 às 13h10

Pelo humor altamente relacionável e pelas várias reprises, Todo Mundo Odeia o Chris foi um sucesso na TV brasileira e continua na memória afetiva de muitos fãs. Inclusive, vários de seus atores brilham muito mais no país do que no resto do mundo. Acontece que o programa foi concluído há mais de uma década, em maio de 2009. Para onde foi o elenco? Veja onde estão os atores de Todo Mundo Odeia o Chris!

Todas as temporadas da série podem ser encontradas no catálogo do Globoplay.

Tyler James Williams - Chris

Tyler James Williams viveu o protagonista da sitcom dos seus 13 aos 17 anos de idade. Ainda que esse seja seu maior sucesso, o rapaz teve uma carreira farta pela frente após o final do programa. De 2009 para cá, o ator estrelou o filme de Cara Gente Branca (que deu origem à série da Netflix) em 2014, e o drama Detroit em Rebelião (2017), de Kathryn Bigelow. Mas Williams se dedicou ao mundo da televisão. Ele contracenou com Matthew Perry (Friends) e Brett Gelman (Fleabag, Stranger Things) em Go On, e também teve papel recorrente na quinta temporada de The Walking Dead, onde viveu Noah. Depois disso, foi uma estrelas do derivado Criminal Minds: Beyond Borders, e mais tarde voltou a contracenar com Lauren Cohan (a Maggie de TWD) em Whiskey Cavalier. Seu trabalho mais recente é o drama indie The Wedding Year (2019).

Tyler James Williams tem uma relação complicada com o Brasil. Como Todo Mundo Odeia o Chris foi um enorme sucesso no país, os fãs o “perseguem” nas redes sociais. O ator já postou alguns vídeos pedindo para o público pare de comentar frases de efeito do programa em português nas suas fotos no Instagram. Mais tarde, porém, ele voltou atrás e até atuou em um comercial brasileiro para o McDonalds onde brincou com a situação toda - com dublagem e tudo.

Terry Crews - Julius

Um homem de muitos talentos, Terry Crews já era famoso antes de estrelar a série, tanto por ter jogado futebol americano profissionalmente, ou como ator de produções como As Branquelas (2004) ou Idiocracia (2006). Após interpretar Julius, o pai pão-duro de Chris, Crews continuou em ascensão ao participar de alguns filmes, como Exterminador do Futuro: A Salvação (2009), Deadpool 2 (2018), Desculpe te Incomodar (2018) e a franquia Os Mercenários. Mas Crews se identifica bastante com a TV, e logo retornou com papéis em The Newsroom, Arrested Development e, claro, Brooklyn Nine-Nine, onde atua como o sargento Terry Jeffords até os dias de hoje. Com gosto por experimentação, o ator também se aventurou por outras mídias, seja criando uma linha de design de cadeiras, dublando o protagonista do game CrackDown 3 ou atuando no clipe de “These Walls”, de Kendrick Lamar.

Assim como Tyler James Williams, Terry Crews também tem uma ligação com o Brasil - mas bastante diferente. O ator já fazia sucesso por aqui por conta de As Branquelas, mas a série o fez praticamente um astro nacional. O ator veio ao país para a CCXP 2015 onde se divertiu com os fãs. Recentemente, mandou um abraço ao público brasileiro de Todo Mundo Odeia o Chris e Brooklyn Nine-Nine em um vídeo no Twitter, arriscando no português - assista.

Tichina Arnold - Rochelle

Muito antes de entrar para Todo Mundo Odeia o Chris, Tichina Arnold já era conhecida por ter participado de Martin, a sitcom de Martin Lawrence nos anos 1990. Depois de viver Rochelle no seriado, a atriz passou a pegar apenas alguns papéis pequenos em séries como Brothers e Raising Hope, e outra recorrentes, como em Happily Divorced e Survivor’s Remorse. Recentemente, Reynolds voltou a emplacar trabalhos maiores, tendo interpretado Wanda no drama The Last Black Man in San Francisco (2019), da A24, no terror A Hora de Sua Morte (2020) e em A Grande Luta (2020), comédia infantojuvenil da Netflix. Atualmente, pode ser vista na sitcom The Neighborhood, que recentemente foi renovada para a terceira temporada.

Imani Hakim - Tonya

Intérprete da irmã mais nova (e pentelha) de Chris, Imani Hakim tinha 12 anos quando entrou na série - apenas um ano mais nova que Tyler James Williams. Após o sucesso da série, aos 16 anos de idade, a garota transitou entre vários curtas e pequenas participações, aparecendo até em um episódio de Os Feiticeiros de Waverly Place. Hoje em dia, a atriz tem 27 anos de idade, e nos últimos anos passou a buscar papéis mais experimentais e ambiciosos. Além de Código de Silêncio (2017), drama da Netflix, a Hakim também protagonizou o quarto Sharknado, e o terror Cam (2018). Seu trabalho mais recente é na comédia Mythic Quest: Raven’s Banquet, da Apple TV+.

Tequan Richmond - Drew

Tequan Richmond, que viveu o irmão caçula e galã do protagonista, havia inicialmente feito o teste para viver Chris, mas a produção decidiu que seu físico batia mais com o de Drew. Antes da série, Richmond já havia um papel de sucesso ao ter interpretado o músico Ray Charles na infância no filme Ray (2004), indicado ao Oscar de Melhor Filme em 2005. Após a série, porém, sua carreira deu uma desacelerada, pegando apenas pequenas participações em programas como Weeds e Private Practice. O que lhe ajudou foi, em 2012, ter entrado para o elenco da novela americana General Hospital, onde viveu o garoto problemático TJ Ashford, papel que lhe rendeu três indicações ao Daytime Emmy até sua eventual saída em 2018. Depois disso voltou a atuar em séries, como All Night, do Hulu, The Unsettling e, recentemente, Boomerang.

Vincent Martella - Greg

O melhor amigo de Chris, Vincent Martella se encontrou como dublador - isso ainda durante as gravações da série. Logo em 2007, dois anos após o início de Todo Mundo Odeia o Chris, Martella emplacou seu papel mais duradouro: dar voz ao protagonista Phineas na versão original do desenho Phineas e Ferb. Assim, ficou no cargo durante toda a animação, que durou até 2015, e também nos vários produtos derivados que envolvem os personagens, como o game Disney Infinity e também um vindouro filme do desenho. Durante esse tempo, porém, o ator também fez uma ou outra participação especial, como em The Walking Dead. Mas por lá apenas durou três episódios da quarta temporada, ou seja, não viveu o bastante para se reencontrar com Tyler James Williams.

Travis T. Flory - Joey Caruso

Uma das várias pessoas que infernizava as vidas de Chris e Greg era o valentão Caruso, vivido por Travis T. Flory. O ator deu as caras em algumas produções ao longo dos anos, como a comédia Quase Irmãos (2008), mas deixou a carreira de atuação para viver em uma pequena cidade da Califórnia. O drama Little Boy - Além do Impossível (2015), que teve péssimas críticas, foi seu último trabalho com figurante.

Jacqueline Mazarella - Sra. Morello

A professora de Chris, que trata o garoto de forma racista sem nem ao menos perceber, é vivida por Jacqueline Mazarella. A atriz tem uma carreira de pequenos personagens e aparições, e isso não mudou após Todo Mundo Odeia o Chris. De lá para cá deu as caras em séries como Fresh Off the Boat, Jane the Virgin e The Morning Show.

Ernest Thomas - Sr. Omar

Mulherengo e dono de uma funerária, o Sr. Omar é inquilino da casa da família de Chris. Fora das telas, o intérprete Ernest Thomas tem uma longa carreira de pequenos papéis desde a década de 1970, tendo atuado ao lado de James Earl Jones e também trabalhado com Spike Lee em Malcom X (1992). Depois da série, Thomas voltou a pegar participações especiais em séries como Veep e filmes como As Senhores de Salem, de Rob Zombie. Seu papel de maior destaque foi na comédia Tá Rindo do Que? (2009), de Judd Apatow com Adam Sandler e Seth Rogen.

Antonio Fargas - Doc

O Doc, chefe de Chris na mercearia do bairro, é interpretado por Antonio Fargas. Muito antes de Todo Mundo Odeia o Chris, o ator era recorrente em alguns dos grandes filmes do Blaxploitation, cinema negro da década de 1970, tendo aparecido em Shaft (1971) e Foxy Brown (1974). Além disso, Fargas também fazia bastante filmes e séries policiais, como Starsky e Hutch, Kolchak e mais. Após Todo Mundo Odeia o Chris, voltou a pegar pequenos papéis, aparecendo em séries como House of Lies e Raio Negro.

Kevontay Jackson - Jerome

Sempre envolvido em alguma confusão, Jerome ficou conhecido por chamar Chris de “o carinha que mora logo ali”, e tirar um dólar do garoto todas as vezes que os dois se trombavam nas ruas. Kevontay Jackson, seu intérprete, continuou pegando papéis de figurante em várias séries após Todo Mundo Odeia o Chris, aparecendo rapidamente em Mad Men, Hart of Dixie e Animal Kingdom. Além de ator, Jackson também é rapper. Nas redes sociais, promove suas músicas e também faz piadas com o seu tempo na série (aos vários comentários de brasileiros, claro).

Bônus: Chris Rock - Narrador

Muito do que torna Todo Mundo Odeia o Chris tão divertido é que a série é baseada na infância do comediante Chris Rock, que também serve como narrador na versão original. Antes do seriado Rock já era bem famoso, seja por seus stand-up, ou por filmes como Um Pobretão Na Casa Branca (2003), Golpe Baixo (2005) e Madagascar (2005). Após o fim do programa em 2009, passou a estrelar a franquia Gente Grande (2010) ao lado de Adam Sandler, e também voltou ao trabalho de diretor de filmes com No Auge da Fama (2014).

Recentemente passou a se envolver em mais projetos, como o filme da Netflix Meu Nome é Dolemite (2019) e o clipe de “Old Town Road”, hit de Lil Nas X. Seus dois projetos mais recentes são o terror Espiral, reboot de Jogos Mortais que estrela ao lado de Samuel L. Jackson, e também a quarta temporada de Fargo, de Noah Hawley. Ambos foram adiados por conta da pandemia do coronavírus.