The Boys | Criador defende final de personagem: "Hora de seguir em frente"

Créditos da imagem: Divulgação

Séries e TV

Notícia

The Boys | Criador defende final de personagem: "Hora de seguir em frente"

Eric Kripke comentou final da terceira temporada; cuidado com spoilers

Omelete
2 min de leitura
Beatriz Amendola
08.07.2022, às 18H46
ATUALIZADA EM 08.07.2022, ÀS 19H14
ATUALIZADA EM 08.07.2022, ÀS 19H14

Eric Kripke, criador da série The Boys, comentou (e defendeu) o desfecho dado a uma figura específica na terceira temporada da série, cujo final já está disponível no Prime Video

[Atenção: este texto contém spoilers de The Boys. Não leia se não quiser saber o que acontece]

No caso, ele se referia a Maeve (Dominique McElligott). A super-heroína foi dada como morta após pular do prédio da Vought com um Soldier Boy prestes a explodir, mas pouco depois foi revelado que ela estava viva, embora sem poderes. Em sua última cena, Maeve se despediu de Luz-Estrela e foi viver com sua namorada, Elena.

Segundo Kripke, a ideia sempre foi dar um final feliz a Maeve. "Em nenhum momento eu considerei matar Maeve, desde o início", contou ele ao TV Line. "Nós intencionalmente construímos um final feliz para ela, por muitas razões. Para começar, ela merecia. Acredite ou não, The Boys é um universo moral, e quando você faz as escolhas certas, você é recompensado. Ela merecia um final feliz com Elena". 

O showrunner também estava consciente do quão problemático seria matar Maeve, uma personagem bissexual, dado que a TV, historicamente, tem uma tendência a matar personagens LGBTQIA+, algo viso em produções como The 100 e The Walking Dead. 

"Eu concordo com as críticas [ao clichê] e não ia fazer isso Admito que nós brincamos um pouco com ele ao deixar as pessoas pensarem que ela estava morta, mas então revelamos que na verdade ela vai ter uma boa vida sem poderes ao lado de sua namorada. Espero que isso compense".

Mas Kripke ressaltou que era hora de Maeve se despedir. "Muito da história trata de Annie finalmente emergindo como a super-heroína que precisa ver, e era hora de sua mentora e protetora seguir em frente e deixá-la agir por conta própria". 

O que não quer dizer que não a veremos de novo. "A série não vai acabar sem vermos Maeve de novo", afirmou o criador.

O Omelete agora tem um canal no Telegram! Participe para receber e debater as principais notícias da cultura pop (t.me/omelete).

Acompanhe a gente também no YouTube: no Omeleteve, com os principais assuntos da cultura pop; Hyperdrive, para as notícias mais quentes do universo geek; e Bentô Omelete, nosso canal de animes, mangás e cultura otaku.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.