Stranger Things

Créditos da imagem: Netflix/Divulgação

Séries e TV

Artigo

Stranger Things 4 | O que diabos aconteceu no final do sétimo episódio?

Capítulo final do primeiro volume da quarta temporada trouxe revelação chocante sobre o Mundo Invertido

Omelete
3 min de leitura
Nico Garófalo
27.05.2022, às 11H00

[Texto contém spoilers da quarta temporada de Stranger Things]

Maior e mais assustadora do que nunca, Stranger Things voltou à Netflix nesta sexta-feira (27) explorando um pouco mais da história de Hawkins e os eventos sobrenaturais que dominam a vida da cidadezinha norte-americana. Trazendo respostas para muitas perguntas, o primeiro volume da quarta temporada pode ter revelado também como o Mundo Invertido foi criado. Pelo que o sétimo episódio do novo ano dá a entender, a dimensão paralela não foi apenas aberta por Eleven (Millie Bobby Brown), mas que a garota foi diretamente responsável por sua expansão.

Ainda no sétimo episódio, é revelado em um flashback de 1979 que Peter (Jamie Campbell Bower), o enfermeiro que tanto se preocupa com a garota, é, na verdade, filho de Victor Creel (Robert Englund) e o primeiro “paciente” de Brenner (Matthew Modine) - o lendário Um. Com poderes similares aos de Eleven, mas com muitos menos escrúpulos, Um assustou o cientista, que injetou um chip inibidor de poderes no rapaz quando ele ainda era um adolescente.

Após enganar Eleven para que ela destruísse o chip, Peter chacinou crianças, enfermeiros e cientistas no laboratório de Hawkins - o mesmo massacre mostrado no começo do primeiro episódio da temporada. Confrontado pela garota, ele também tentou matá-la, mas a menina se mostrou poderosa demais até para ele e, com suas próprias habilidades revidou. Em um misto de raiva e luto, ela abriu um estranho portal com o corpo do próprio Um, que foi sugado para o que, pouco depois, se tornaria o Mundo Invertido. O flashback termina revelando que, além de ser um assassino serial, Um é também o Vecna, vilão que assombrou Hawkins no quarto ano.

Esses minutos finais do volume um da quarta temporada revelaram uma ligação ainda desconhecida de Eleven com o Mundo Invertido. Se, na primeira temporada, a garota foi responsável por reabrir o portal que acabou levando ao desaparecimento de Will (Noah Schnapp), o novo ano mostra que ela, na verdade, pode ter interferido diretamente na criação da dimensão sombria e das criaturas que lá habitam.

Mesmo que não tenha criado de fato a dimensão paralela, Eleven enviou Peter/Um para o Mundo Invertido quando o local era apenas um grande vazio. Lá, ele foi lentamente se transformando num monstro e expandindo seus poderes até conseguir, à distância, “copiar” a cidade em que morava, moldando o Mundo Invertido à imagem da cidade em que vivia.

Ao longo de quatro anos, o Mundo Sombrio foi espelhando Hawkins, com Vecna expandindo seus poderes sobre a dimensão paralela. Quando Eleven reabriu o portal, em 1983, Peter/Um pôde, enfim, começar a exercer sua vingança, enviando Demogorgons e o Devorador de Mentes para acabar com a garota.

Embora já se soubesse desde o começo de Stranger Things que Eleven teria uma ligação com o Mundo Invertido, a nova temporada enfim revelou a profundidade do laço entre a menina e esse universo sombrio, explicando também por que os monstros que invadiram Hawkins parecem sempre mirar nela e em seus amigos.

Conteúdo Patrocinado

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.