Cena da série de Sr. e Sra. Smith

Créditos da imagem: Divulgação

Séries e TV

Artigo

Série de Sr. e Sra. Smith diverte – mas em comum com o filme, só tem o nome

Produção estreia nesta sexta (2) no Prime Video

Omelete
2 min de leitura
01.02.2024, às 11H00
ATUALIZADA EM 02.02.2024, ÀS 09H01
ATUALIZADA EM 02.02.2024, ÀS 09H01

É difícil não sentir certo estranhamento ao assistir aos primeiros três episódios da série de Sr. e Sra. Smith, que estreia nesta sexta-feira (2) no Prime Video. Não pela série em si, uma divertida mistura de comédia romântica com espionagem, mas sim por um motivo muito específico: seu nome.

Para quem viu o filme de 2005 estrelado por Angelina Jolie e Brad Pitt, o título evoca a história dos dois experientes espiões que eram casados sem que um soubesse a real profissão do outro. No longa, dirigido por Doug Liman, boa parte do charme (e da graça) estava no fato de que seus dois protagonistas, Jane e John, se viam às voltas com a verdade após anos e anos de mentiras elaboradas – e, no final, precisavam se conhecer verdadeiramente para criar um laço real (tudo isso em meio a muitos tiroteios e explosões, claro).

Acontece que, no remake televisivo assinado por Donald Glover e Francesca Sloane, a premissa é praticamente a inversa: John (Glover) e Jane (Maya Erskine), dois recém-chegados à vida de espionagem, são alocados para trabalhar em conjunto, posando como um casal. Enquanto se ajustam ao novo trabalho, ambos passam a se conhecer melhor e, obviamente, acabam por desenvolver sentimentos um pelo outro. É estranha, então, a insistência por manter o mesmo título do filme; sim, todos sabemos do apelo nostálgico (e mercadológico, claro) que ele carrega – mas vale a pena mantê-lo mesmo entregando algo completamente diferente?

Discussões sobre propriedade intelectual e franquias à parte, vale notar que a nova série é, sim, divertida. Os três episódios iniciais enviados ao Omelete (ao todo, são oito), fazem um bom trabalho de nos apresentar os novos protagonistas e construir as bases para o seu relacionamento, em uma toada bem mais pé no chão que o original. Há, sim, armas escondidas em lugares inusitados, uma bela casa e figurinos lindíssimos, mas a série deixa claro que, desta vez, está contando uma história de duas pessoas relativamente comuns, que estão aprendendo uma nova profissão e a se relacionar entre si.

É nos tropeços desse processo que o novo Sr. e Sra. Smith encontra seu humor. John e Jane têm personalidades bem diferentes, sendo ele mais vulnerável e ela, mais reservada; e, como acontece com todo casal que está se conhecendo, há momentos esquisitos e de mal-entendidos, que são um terreno fértil para o humor da série. O mesmo vale para os aprendizados dos dois na espionagem, que passam pelo tédio das missões e uma série de imprevistos no caminho.

É um início promissor para Sr. e Sra. Smith – mas falta ver se a série conseguirá superar a comparação inevitável que chamou para si.

Omelete no Youtube

Confira os destaques desta última semana

Omelete no Youtube

Confira os destaques desta última semana

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a nossa Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.