Imagem de Sandman

Créditos da imagem: DC Comics/Reprodução

Séries e TV

Notícia

Sandman | Disputa política na Warner impediu série, diz James Mangold

Cineasta chegou a vender para a HBO a ideia de um seriado, mas projeto nunca foi para frente

Mariana Canhisares
11.06.2020
16h25

O diretor James Mangold revelou por que sua série baseada em Sandman, famosa HQ de Neil Gaiman, nunca saiu do papel. Em entrevista ao Discussing Film, ele disse:

"Apresentei a ideia para a HBO anos atrás e eles a compraram como um seriado. Então o projeto não foi feito por causa de uma disputa política na Warner".

A produção idealiazada por Mangold nunca saiu do papel, mas Sandman em breve virará série na Netflix. O diretor, porém, diz não ter nenhum ressentimento a respeito disso. "Estou tão feliz por Neil, que é uma pessoa maravilhosa, assim como é um artista brilhante. Sua visão única entrelaça o psicológico, o psicodélico, o romântico, o sexual e o fantástico de uma maneira que é ao mesmo tempo pessoal e épica".

Ainda sem uma data para chegar à Netflix, a primeira temporada de Sandman contará com 11 episódios.

A HQ de Neil Gaiman acompanha Morpheus na série que consolidou o gênero dos quadrinhos adultos nos anos 1990. Sandman é a peça máxima dentro da antologia respeitável de Gaiman, misturando drama histórico e ficção soturna com fantasia e lendas modernas. A série regular foi publicada entre 1989 e 1996.