Peppa Pig é censurada na China sob a acusação de ser um "ícone de subversão"

Séries e TV

Notícia

Peppa Pig é censurada na China sob a acusação de ser um "ícone de subversão"

Mais de 30 mil vídeos com a personagem foram excluídos de plataforma de vídeo

Rafael Gonzaga
02.05.2018
16h01
Atualizada em
05.05.2018
09h03
Atualizada em 05.05.2018 às 09h03

A animação infantil Peppa Pig foi banida de uma plataforma chinesa de vídeos para internet. De acordo com o The Global Times, mais de 30 mil vídeos da personagem foram excluídos do Douyin, enquanto a hashtag #PeppaPig foi proibida. (via The Guardian)

O motivo da movimentação contra o desenho animado é que a porquinha rosa protagonista teria se tornado um símbolo subversivo, sendo usada de forma recorrente em imagens locais ligadas à contracultura. A personagem se tornou um fenômeno entre os mais velhos, que passaram a usá-la como símbolo de rebeldia - além disso, os vídeos da animação passaram a ser usados em montagens, muitas vezes com conteúdos sombrios ou até mesmo pornográficos, o que é proibido na China.

A animação Peppa Pig foi apresentada ao público chinês em 2015, quando passou a ser exibida na emissora estatal CCTV. Desde então, a atração se tornou muito popular e dois parques temáticos da personagem, em Pequim e Xangai, devem ser inaugurados em 2019.

Global Times chegou a falar que o desenho trouxe também influências negativas para as crianças espectadoras. De acordo com o veículo, em 2017, pais chineses se queixaram de que seus filhos se tornaram viciados em Peppa Pig e que isso gerou problemas - os pais contaram que seus filhos em idade pré-escolar começaram a, por exemplo, rosnar e pular em poças após assistirem o desenho animado.

O motivo da exclusão dos vídeos da Peppa Pig da plataforma pode ser fruto de um excessivo estado de cautela por parte da Douyin. Com o crescimento de mecanismos de censura no governo do presidente Xi Jinping, recentemente um agregador de notícias chamado Jinri Toutiao foi suspenso das lojas de aplicativos chinesas por três semanas após o governo determinar que ele hospedava conteúdo impróprio.

Peppa Pig, criação de Neville Astley e Mark Baker, é exibido no Brasil pelo canal Discovery Kids