Olhos que condenam

Créditos da imagem: Netflix/Divulgação

Séries e TV

Notícia

Olhos que Condenam | Promotora do caso renuncia cargo em Universidade

Elizabeth Lederer pediu demissão após ser acusada de racismo

Fábio de Souza Gomes
16.06.2019
21h40

Elizabeth Lederer, promotora do caso retratado em Olhos que Condenam, deixou seu cargo como professora da Universidade de Columbia, em Nova York, após a repercussão da série da Netflix dirigida por Ava Duvernay. Os alunos da Associação de Estudantes Negros de Direito acusaram a docente de racismo e, após pressão da faculdade, ela escolheu renunciar ao cargo (Via The New York Times).

Baseado em uma história real que tomou conta dos EUA, Olhos que Condenam narra o caso notório de cinco adolescentes negros, rotulados como os Central Park Five, que foram condenados por um estupro que não cometeram. Todos os episódios já estão disponíveis - leia a nossa crítica.