Larry King, apresentador televisivo morto aos 87 anos

Créditos da imagem: Twitter/Divulgação

Séries e TV

Notícia

Larry King, popular apresentador de talk shows, morre aos 87 anos por COVID-19

Um dos mais marcantes hosts da TV, King estava internado com o vírus desde janeiro

A cozinha
23.01.2021
13h26

Larry King, um dos mais importantes apresentadores de talk show da TV norte-americana, morreu aos 87 anos de idade. A causa da morte foi por conta de COVID-19.

Após contrair o vírus, King foi internado no Centro Médico Cedars-Sinais, em Los Angeles, logo em 2 de janeiro de 2021. O apresentador tinha um longo histórico de doenças e complicações de saúde. A informação de sua morte foi revelada em seu perfil oficial no Twitter.

Durante 63 anos, através do rádio, TV e mídia digital, as milhares entrevistas, prêmios e aclamação global de Larry servem como testamento para seu talento único e duradouro como apresentador. Além disso, enquanto seu nome sempre aparecia no título dos programas, Larry sempre viu seus convidados como os verdadeiros astros, e ele mesmo apenas como um condutor imparcial entre o convidado e o público. Seja entrevistando um presidente dos Estados Unidos, um líder internacional, celebridades, personalidades envolvidas em escândalos, ou cidadãos comuns, Larry gostava de fazer perguntas curtas, diretas e simples. Ele acreditava que questões concisas puxavam as melhores respostas, e não estava errado nessa crença”, afirmou o comunicado.

Além de seu trabalho como apresentador, Larry King também marcou presença em inúmeros filmes e séries, muitas vezes interpretando a si próprio, como em Caça-Fantasmas (1984), Bee Movie (2007), American Crime Story, entre muitos outros.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.