Séries e TV

Notícia

Kevin Spacey é demitido da Netflix

Além da saída de House of Cards, streaming cancela filme produzido e estrelado pelo ator

Mariana Canhisares
04.11.2017
01h05
Atualizada em
04.11.2017
06h01
Atualizada em 04.11.2017 às 06h01

Netflix demitiu Kevin Spacey, de acordo com a Variety. Além de tirá-lo de vez de House of Cards, serviço de streaming cancelou cinebiografia do romancista Gore Vidal, intitulada Gore, que era protagonizada e produzida pelo ator.

"Netflix não se envolverá mais em nenhuma produção de House of Cards que inclua Kevin Spacey. Vamos continuar trabalhando com a MRC durante o hiato para avaliar nossos próximos passos com relação à série. Também decidimos que não seguiremos com o lançamento de Gore, que estava em pós-produção e era estrelado e produzido por Kevin Spacey", afirmou o streaming em nota.

Se de fato a produção prosseguir, especula-se que o personagem de Spacey, Frank Underwood, será morto, deixando Robin Wright como única protagonista - leia maisSeja como for, a Netflix já está planejando derivados do seriado - saiba mais.

No último dia 30, Spacey foi acusado de assédio sexual por Anthony Rapp, quando este tinha 14 anos. O ator se desculpou e também se declarou gay na ocasião. Desde então, o Emmy cancelou uma homenagem ao ator e a produção da sexta temporada de House of Cards foi suspensa, enquanto Netflix e a produtora MRC avaliam a situação - saiba mais. Recentemente, a CNNpublicou reportagem sobre oito novas denúncias contra o ator, todas vindas de membros da produção da série - leia mais.

Assédio em Hollywood

O tema do assédio sexual em Hollywood voltou à tona após várias acusações contra o produtor Harvey Weinstein. Ele foi demitido de sua empresa, a The Weinsten Company e expulso da Academia do Oscar, que pretende ter um novo código de conduta após o caso - saiba mais. O Sindicato dos Produtores também baniu para sempre Harvey Weinstein da organização - saiba mais.