Séries e TV

Entrevista

Conheça Padre Brown, série de detetive com Mark Williams, de Harry Potter

Seriado da BBC chega ao Brasil pela TV Cultura

Arthur Eloi
28.09.2018
19h27

Quando se trata de trazer séries de fora, a TV Cultura não recebe o crédito que merece. Ainda que com atraso, a emissora já exibiu programas de alto nível como Mad Men, Doctor Who, Sherlock e Downton Abbey em rede aberta. Agora, o canal resgata Padre Brown (Father Brown), seriado de detetive da BBC.

Father Brown/BBC/Divulgação

Adaptação da obra de G.K. Chesterton, a trama acompanha um padre católico que investiga crimes brutais em uma pequena vila fictícia. Quem veste a batina é Mark Williams, conhecido por ter vivido Arthur Weasley na franquia Harry Potter. Apesar de ter sua fama mundial vinda do cinema, o ator é veterano da televisão britânica com mais de 70 projetos em seu currículo. "TV é uma chance de viver papéis excelentes", falou em entrevista ao Omelete. "Também é bem mais rápido trabalhar com séries do que filmes, que levam muito tempo para serem gravados."

"Tenho muita sorte de ter feito teatro, televisão e muitos filmes. Gosto dessa diferença, e sempre valorizo o ritmo diferente", diz sobre assumir projetos em mídias diferentes. "É a mesma nota mas em várias melodias. Não importa se você está tocando música country ou rock, você ainda toca o mesmo instrumento."

Ainda que a série esteja chegando agora ao Brasil, Padre Brown é transmitida desde 2013 no Reino Unido. Existe um motivo para isso: a popularidade da obra original, frequentemente comparada às aventuras de Sherlock Holmes, de Arthur Conan Doyle. O paralelo é especialmente válido: Holmes ganhou uma adaptação pela BBC ambientada na movimentada Londres dos dias de hoje, enquanto Brown vai para 1950 explorar desventuras no interior da Inglaterra - "paisagem que faz as pessoas se sentirem um pouco perdidas", segundo o ator.

Independente da preferência, é curioso como ambas as histórias sobreviveram ao teste do tempo e inspiraram enormes mudanças na literatura, e também adaptações em outras mídias. Assim como suspense, contos de assassinato e mistério nunca saem de moda. "São como quebra-cabeças", explica Williams. "Eles guiam o público a tentar desvendar o que aconteceu. É uma das coisas que penso que as pessoas gostam: a tradição que chamamos de 'whodunit', um enigma policial. Histórias de detetive desafiam o seu intelecto."

Por trazer uma história de época no interior da Inglaterra, Padre Brown soa… excessivamente britânica. A série abraça isso em seus diálogos, atuações e cenários - mas Williams não pensa que isso será um problema. "Acho que os brasileiros vão gostar! Nós, Ingleses, somos um pouco estranhos mas assistimos muita coisa de outras culturas. Contanto que não seja tedioso, todo mundo deve entender."

Padre Brown estreia hoje, 28 de setembro, na TV Cultura, às 22h30. O seriado também estará disponível no aplicativo Cultura Digital.