5 animes baseados em videogames

Créditos da imagem: Divulgação/Netflix

Séries e TV

Lista

5 animes baseados em videogames

Dos games para as telinhas

Gabriel Avila
18.01.2019
11h26
Atualizada em
18.01.2019
12h16
Atualizada em 18.01.2019 às 12h16

Grande expoente da cultura oriental, os animes trazem uma diversa gama de gêneros, e nessa variedade de temas é comum que as séries sejam adaptações, seja de mangás, romances ou até mesmo games. Diferente das outras, as adaptações de videogame trazem um leque maior de abordagens, desde uma adaptação literal dos eventos mostrados nos jogos até enredos completamente novos. Confira abaixo uma lista com 5 dos melhores animes baseados em videogames:

5- Pokémon

Reprodução

Pokémon é um marco no mundo dos games desde o lançamento do primeiro jogo em 1996. O RPG com foco nas batalhas entre as criaturas Pokémon, os famosos monstros de bolso, se expandiu a ponto de se tornar uma das franquias mais lucrativas de todos os tempos, que depois de transportada para os card games e mangás, ganhou em 1996 um anime que é sucesso em todo o mundo. Nele o protagonista é Ash Ketchum, que parte em sua jornada para se tornar o maior treinador Pokémon ao lado de seus amigos e Pikachu. Embora o anime original não conte com personagens originais dos jogos, Pokémon transporta a essência do game através de uma aventura inocente e divertida que apresenta ao público a rica mitologia encontrada nos games. A jornada de Ash é dividida em seis séries diferentes que já passam da marca de 1000 episódios e estão disponíveis na Netflix, incluindo a mais recente "Sol e Lua". Em 2013 foi lançado no Japão a minissérie "Pokémon Origins", essa sim focada em adaptar a história dos primeiros jogos.

4- Monster Rancher

Reprodução

Após vencer uma competição de Monster Rancher, Genki é premiado com um CD que supostamente deveria conter um monstro inédito para que ele possa usar no jogo. Porém, o garoto é transportado para o universo do próprio game. Nessa nova realidade ele conhece Holly, uma garota que está em busca do monstro conhecido como Fênix para derrotar o tirano Moo, que quer dominar esse mundo. Lançado em 1997 para Playstation, o jogo Monster Rancher trazia uma interessante mecânica de gerar monstros a partir de CDs de música e, mesmo com uma proposta parecida com Pokémon, arrebanhou um grande número de fãs. O anime e seu tom épico também fez muito sucesso entre o público após sua chegada ao Brasil em TV aberta no início dos anos 2000.

3- Sonic X

Reprodução

Um dos maiores ícones dos games, Sonic já ganhara diversos desenhos animados até que em 2003 chegou ao Japão em uma produção do estúdio TMS (Cavaleiros do Zodíaco: The Lost Canvas). Na série, após uma luta contra o maligno Dr Eggman, Sonic e seus amigos são transportados para a Terra e devem procurar pelas esmeraldas do caos para voltar para casa. O anime ajudou a restabelecer a popularidade do ouriço e, embora não adapte nenhum jogo específico desde o início, Sonic X passou a partir da segunda temporada a adaptar eventos dos jogos lançados no início dos anos 2000, como o clássico Sonic Adventure.

2- Devil may Cry

Reprodução

Devil May Cry é um dos títulos que ajudaram a definir a indústria de games no início dos anos 2000,tornando-se um dos grandes expoentes do gênero hack n' slash, e portanto, influenciando diversas franquias que viriam depois. O jogo é protagonizado por Dante, um caçador de demônios mercenário que tem como objetivo exterminar essas criaturas responsáveis pela morte de sua mãe e por corromper seu irmão. Para promover o lançamento do quarto Devil May Cry, que cronologicamente é uma sequência do primeiro, a Capcom lançou uma série de 12 episódios em parceria com o renomado estúdio Madhouse (Death Note, One Punch Man). O anime acompanha o cotidiano de Dante em seu ramo de caçador de demônios por dinheiro e, embora não acrescente muito a mitologia dos jogos, traz o senso de humor e ação frenética que são marcas registradas da franquia, se aproveitando da alta classificação indicativa. O anime está disponível na Netflix.

1- Castlevania

Reprodução

Referência em jogos de terror, Castlevania é uma das mais longevas franquias dos videogames e com mais de 30 jogos ganhou uma animação à altura de seu legado na Netflix em 2017. Adaptando "The Dracula's Curse", o terceiro game da série, Castlevania acompanha o reinado de terror que Vlad Drácula inicia na Terra após o assassinato de sua esposa Lisa. Para proteger a nação de Wallachia uma equipe é formada por Alucard, o próprio filho de Drácula, Trevor Belmont, o último descendente de um clã caçador de vampiros, e Sypha Belnades, uma maga oradora. Embora traga mudanças pontuais em relação ao material original, o anime conta em suas duas temporadas uma trama trágica e divertida fazendo bom uso da classificação indicativa de 16 anos com muito sangue e vísceras nas diversas sequências de ação.