Capa do mangá Ye/Editora Veneta

Créditos da imagem: Editora Veneta/Divulgação

HQ/Livros

Notícia

Ye, mangá do brasileiro Guilherme Petreca, é premiado em evento no Japão

Livro foi contemplado com uma das três medalhas de prata distribuídas na premiação

Nicolaos Garófalo
11.01.2020
00h52

Criado pelo brasileiro Guilherme Petreca, o mangá Ye, publicado pela editora Veneta, foi premiado com uma medalha de prata no 13º Prêmio Internacional de Mangás do Japão. O livro, publicado originalmente em 2016, dividiu a prata com My Little Kitchen in Summer Season, da Tailândia, e Korokke and The Girl Who Said No, da Espanha. A medalha de ouro ficou com a obra israelense Piece of Mind.

Confira o post de comemoração de Petreca abaixo:

No total, 345 obras de 66 países participaram desta edição do Prêmio Internacional de Mangás do Japão, com 15 livros sendo premiados: um com a medalha de ouro, três com a de prata e onze com a de bronze.

Além de Ye e Petreca, Ritos de Passagem, mangá de Lucas Marques, foi um dos receptores da medalha de bronze.

 Ye conta a história de um garoto que, em uma aventura de autodescoberta, encara diversos perigos, como monstros, piratas e bruxas.