HQ/Livros

Notícia

Morre Douglas Quinta Reis, da Devir Brasil, pioneiro no mercado de quadrinhos e RPG

Importante nome do quadrinho brasileiro faleceu aos 63 anos

Rafael Gonzaga
13.10.2017
11h47
Atualizada em
13.10.2017
12h56
Atualizada em 13.10.2017 às 12h56

Douglas Quinta Reis, diretor editorial da Devir Brasil, faleceu aos 63 anos na noite de 12 de outubro. O importante nome da história dos quadrinhos brasileiros sofreu um infarto e não resistiu. Reis foi um dos grandes divulgadores da cultura de HQs e do RPG no Brasil e, nos anos 1990, editou o Recado Devir, mais importante fanzine de novidades da época.

Vários nomes do mercado editorial usaram suas redes sociais para manifestar tristeza pela perda de Reis - veja abaixo um depoimento de Érico Borgo, do Omelete, e de diversos outros profissionais da área:

"Todo sábado depois do colégio eu ia à Devir buscar quadrinhos importados, que eles reservavam para leitores assíduos. Era lá, numa casa sem identificação, que fanáticos se encontravam pra trocar informações e devorar o Recado Devir, primeiro grande informativo do que hoje chamamos de Cultura Geek. Foi ali que consegui assistir a filmes como Akira, por exemplo, e conhecer animes e adaptações que só ouvia falar que existiam. Douglas e o Mauro, que também nos deixou cedo, estavam sempre por ali, entusiastas como nenhum outro, atendendo os clientes e discutindo as novidades. Mais tarde viraram editora e começaram a investir em RPGs e Card Games. Se o Omelete existe hoje é em parte pela existência daquele Oásis, onde tantos nerds se informaram."

A Devir é uma editora brasileira de HQs, livros de RPG e baralhos de card games. Foi fundada em 1987, em São Paulo, como uma importadora e distribuidora de títulos de quadrinhos e RPGs norte-americanos e europeus, inaugurando no país um sistema bastante inovador - com o tempo, a empresa passou a atuar em Portugal, na Espanha e em toda a América Latina. Entre seus maiores sucessos estão a distribuição do jogo de cartas colecionáveis Magic: The Gathering em língua portuguesa.

Quadrinhos de autores brasileiros como Laerte, Angeli, Adão Iturrusgarai e Lourenço Mutarelli já estiveram no catálogo da Devir. No mercado de RPG, a Devir foi por muito tempo representante de três das maiores editoras norte-americanas: a Steve Jackson Games (GURPS), White Wolf (Vampiro, Lobisomem, Mago) e Wizards of the Coast (Dungeons & Dragons, Magic the Gathering).