Nudez, traição e mais: 8 momentos das HQs que parecem manchete de fofoca

HQ/Livros

Lista

Nudez, traição e mais: 8 momentos das HQs que parecem manchete de fofoca

Quando os rumos de X-Men, Homem-Aranha e Batman são dignos de enredo de novela

Gabriel Avila
31.10.2019
14h30

Traição, filho criado em segredo e abandono no altar. Por mais que pareçam enredo de novela, essas tramas também já apareceram nas HQs, que entre um embate contra vilões ou a investigação de um crime, também separa espaço para intrigas que afetam os heróis em sua intimidade. Confira abaixo 8 momentos que parecem fofoca, mas são quadrinhos:

Trisal Mutante

Após uma aclamada fase à frente das HQs dos Vingadores, Jonathan Hickman retornou à Marvel para colocar ordem nos quadrinhos dos mutantes. Entre seus novos conceitos estava uma nova etapa no relacionamento entre Jean Grey, Ciclope e Wolverine, triângulo amoroso que existe há décadas nos quadrinhos. A primeira edição da nova revista dos X-Men mostra que foi construída uma casa na lua chamada Residência Summers, onde moram apenas membros da família Summers, como Alex e Nathan (Destrutor e Cable respectivamente). As únicas exceções são Jean Grey e Wolverine, que não só moram lá, como também compartilham com Scott os únicos quartos sem divisória do local.

Mulher-Gato abandona Batman no altar

Batman e Mulher-Gato sempre tiveram uma relação complicada nos quadrinhos, alternando inimizade mortal e romance proíbido. Isso mudou durante a fase Renascimento DC, quando a dupla engrenou em um relacionamento sério, que culminou com Bruce Wayne pedindo Selina Kyle em casamento. A proposta aconteceu em agosto de 2017, mas o matrimônio só aconteceria em setembro do ano seguinte, criando uma grande expectativa nos leitores. O grande problema - tanto para o público quanto para o noivo - é que enquanto estava a caminho da cerimônia, a ladra percebeu que o Homem-Morcego não conseguiria ser o herói que Gotham precisa se estivesse feliz e por isso abandona Wayne no altar.

Nudez Aracnídea

Em 2006, a Marvel lançou uma das mais controversas histórias do Cabeça de Teia. Homem-Aranha: Potestade acompanha um Peter Parker idoso e solitário voltando a vestir seu uniforme em um futuro distópico em que heróis são proibidos de atuar. A HQ causou polêmica logo que as primeiras páginas foram divulgadas por mostrar o herói como veio ao mundo. Por não ter um aviso do conteúdo explícito, a revista foi reimpressa com a nudez escondida.

Acontece que o falatório não parou por aí, já que Potestade ficou famosa como a história em que a Mary Jane morre após contrair um câncer pela radiação encontrada no esperma de Peter. Sim, a causa da velhice solitária do herói no quadrinho são seus fluídos tóxicos.

O morcego quer voar

Outro herói a causar falatório após aparecer como veio ao mundo em uma HQ é o Batman. Na primeira edição de Batman: Damned, Bruce Wayne chega à batcaverna após uma noite combatendo o crime em Gotham e se despe no local, deixando seu uniforme espalhado pelo chão - e suas intimidades descobertas.

Mesmo publicada pelo DC Black, um selo da editora voltada ao público adulto, a nudez foi retirada das versões digitais da história e apagada de republicações.

Armadura do Homem de Ferro se apaixona pelo herói

Lançada em 1998, a história A Máscara do Homem de Ferro arranjou um peculiar interesse amoroso para Tony Stark: uma de suas armaduras. Após anos aprimorando sua tecnologia, o bilionário chegou a um resultado inesperado, com seu equipamento ganhando consciência. Logo após se tornar viva, a armadura se declara para seu criador em um diálogo digno de novelão mexicano.

Mesmo com essa interação esquisita, Tony vê na armadura um possível aliado no combate ao crime e decide testá-la em uma ronda pela cidade. Após ela dilacerar e assassinar o vilão Chicote Negro, Stark percebe que cometeu um grave erro. A partir daí o relacionamento se torna cada vez mais abusivo, pois a armadura afastando o milionário de todos os seus aliados, obriga ele a levá-la para todo lugar e pede repetidamente para que Stark a vista. Após uma violenta luta, a armadura amarra seu criador - seminu - em uma árvore e ameaça matá-lo. Stark se desamarra e volta a combater o equipamento até que infarta, sendo salvo pela armadura, que se sacrifica e troca de coração com ele.

Doutor Octopus pede a Tia May em casamento

May Parker, a querida tia do Homem-Aranha, se tornou herdeira de uma ilha no Canadá após a morte de um parente distante. Por coincidência, o local era rico em urânio, material útil para um vilão com conhecimento científico o bastante para transformá-lo em arma nuclear. Acontece que o Doutor Octopus, vilão do Cabeça de Teia que matinha uma relação de amizade com May, descobre a ilha e se dedica a conquistar a senhora Parker.

Por fim, Octavius a pede em casamento e por gostar muito do criminoso, May aceita. Porém, quando eles estão no altar, o casamento é invadido pelo criminoso Cabeça de Martelo, que abre fogo contra o casal, que foge para a ilha. Lá chegando, o conflito armado continua até uma grandiosa explosão que deixa ambos os vilões aparentemente mortos. O romance só chegou ao fim após Octopus retornar e ser dado como morto novamente.

Batman assume filho de herdeira da Liga dos Assassinos

Na história Batman: Filho do Demônio, o Cavaleiro das Trevas tem um breve romance com Talia, a filha de seu grande inimigo Ra’s Al Ghul. Durante esse período, a herdeira da Liga dos Assassinos engravida do herói, que se torna superprotetor e obcecado com a saúde de sua amada e seu filho. Preocupada com o comportamento de Bruce Wayne, Talia afirma ter perdido o bebê e pede para que ele a deixe. Porém, a verdade é que ela teve sim a criança, que criou sozinha sem que o pai soubesse.

Essa história não era considerada como cânone do Batman até 2006, quando o roteirista Grant Morrison assumiu a HQ do herói e introduziu Damian Wayne, o filho que o Homem-Morcego não sabia que tinha. Criado por sua mãe como um dos guerreiros da Liga dos Assassinos, o garoto violento e arrogante foi enviado por Talia para que aprendesse valores com seu pai. Consciente dos talentos desenvolvidos pela Liga dos Assassinos, Batman torna seu filho o novo Robin.

Gwen Stacy troca o Homem-Aranha pelo Duende Verde

Pecados Pretéritos é conhecida como uma das piores histórias do Homem-Aranha por um bom motivo. A trama revela que durante o período em que passou na Europa após a morte do seu pai, Gwen Stacy teve um caso com Norman Osbourne, o Duende Verde. Não bastasse a falecida namorada de Peter Parker, sempre vista como um símbolo de pureza no Universo Marvel, ter um romance com o pior inimigo do Teioso, o romance gerou Gabriel e Sarah Stacy, crianças que envelheceram rapidamente graças ao DNA alterado de Osbourne e, já aos 20 anos, buscam Parker em busca de vingança.