HQ/Livros

Artigo

Dr. Slump - Loucuras de um cientista

Dr. Slump - Loucuras de um cientista

Alexandre Nagado
20.06.2002, às 00H00
ATUALIZADA EM 23.11.2016, ÀS 10H08
ATUALIZADA EM 23.11.2016, ÀS 10H08

Já está nas bancas de São Paulo e Rio de Janeiro o mais novo mangá da Conrad Editora, a comédia Dr. Slump, o primeiro grande trabalho de Akira Toriyama, criador de Dragon Ball Z.

A história começa na pacata Vila Pingüim, onde o Dr. Sembe Norimaki cria uma menina-robô chamada Arale. Forte como uma locomotiva, curiosa, inocente, estabanada e míope, ela é um desastre ambulante. Aparentando ser uma adolescente de 13 anos, vive causando confusão por causa de sua força descomunal e seu jeito moleque, para desespero do pobre Dr. Sembe.

Em uma das cenas mais hilárias da edição de estréia, Arale volta da escola reclamando que descobriu algo no vestiário, ou seja, que não tem aquilo que as outras garotas têm. O doutor confessa que não fez aquilo quando a construiu, porque nunca viu um de verdade. Isso dá origem a uma invenção antológica, o óculos penetrador de matéria orgânica, capaz de enxergar gente sem roupa. Contando assim parece sacanagem grosseira, mas a seqüência é tão aloprada e ao mesmo tempo ingênua que é impossível não rir das reações equivocadas da dupla. Apaixonado pela professora Yamabuki, o apatetado cientista sempre se dá mal com as mulheres, assunto no qual sua incompetência é inacreditável.

A série é cheia de referências à cultura pop, mesclando citações sobre quadrinhos, heróis televisivos, monstros e afins. Fãs de Ultraman, Godzilla e Gamera vão se deliciar com o amontoado de homenagens e citações. Logo no começo, Arale, sabendo ser um robô, pergunta se vai lançar mísseis da barriga, numa referência ao herói Goldar, do antigo seriado Vingadores do espaço. Em diversos momentos, até aparece um tal de Suupaaman, que é apenas Superman dito à moda japonesa. Identificar as múltiplas referências é um passatempo à parte, sem que isso interrompa a fluidez das histórias.

Tendo estreado na revista semanal Shonen jump em 1980, a saga de Arale e seu criador rendeu posteriormente 18 volumes que compilaram a série. Como de praxe, o sucesso do mangá resultou em animações bem sucedidas. Foram duas séries de TV e diversos especiais de cinema com produção da Toei Animation. Além disso, Arale e o povo da Vila Pingüim já apareceram em alguns episódios da série Dragon Ball. Para quem acompanha as aventuras do pequeno Goku na TV Globo, a participação do povo da Vila Pingüim acontece durante a luta contra o General Blue. Arale usa sua superforça para ajudar Goku e dar um fim no vilão. No mangá, o encontro se deu no número 14 da edição brasileira.

Imprevisível e criativa, a história do povo da Vila Pingüim garantiu alguns dos momentos mais inspirados da carreira do autor Akira Toriyama. Pra quem gosta de humor em ritmo alucinante, Dr. Slump é leitura obrigatória.

Dr. Slump

Autor: Akira Toriyama

Lançamento: Conrad Editora

revista mensal - 96 páginas

Preço: R$ 4,50

Está começando a entrar no mundo do mangá? Quer tirar suas dúvidas sobre o assunto? Confira a matéria O bê-a-bá do mangá

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.