Cartas da Prisão de Nelson Mandela reúne textos inéditos do líder político

HQ/Livros

Notícia

Cartas da Prisão de Nelson Mandela reúne textos inéditos do líder político

Obra foi lançada pela Todavia no Brasil

Fábio de Souza Gomes
18.07.2018
12h56
Atualizada em
18.07.2018
13h11
Atualizada em 18.07.2018 às 13h11

A Todavia lançou recentemente no Brasil o livro Cartas da Prisão de Nelson Mandela, publicação de Sahm Venter que reúne mais de duzentos textos inéditos de um dos maiores líderes políticos de todos os tempos. Confira a capa:

A obra histórica é a primeira – e única – coleção autorizada e autenticada de correspondências que abarca os 27 anos em que o líder sul-africano esteve encarcerado. A publicação mostra um retrato íntimo de um ativista político revelando seu lado como marido, pai, amigo e aluno (estudando atrás das grades para se formar em direito).

Pai de cinco crianças quando condenado à prisão perpétua, suas cartas para a família se tornaram a única forma de criar seus filhos – principalmente pelo fato de que lhe eram negadas visitas até que seus filhos atingissem os dezesseis anos.

“Esta compilação respondeu muitas das perguntas que costumavam me desconcertar: Como meu avô sobreviveu a vinte e sete anos na cadeia? O que o fez seguir em frente? Nas palavras dele podemos encontrar as respostas", escreve no prefácio Zamaswazi Dlamini-Mandela, neta do grande líder.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.