HQ/Livros

Lista

15 itens imperdíveis da Exposição Quadrinhos

Action Comics #1, primeira HQ do Quarteto Fantástico e mais

Fábio de Souza Gomes
14.11.2018
18h01

Está em cartaz no MIS, em São Paulo, a exposição Quadrinhos, que mostra uma retrospectiva da nona arte através de revistas, artes originais e itens raros dos diversos gêneros das histórias em quadrinhos – super-heróis, infantis, terror, aventura, romance, mangá, faroeste, erótico e muitos outros – em ambientes temáticos e imersivos que ocupam os dois andares do Museu.

São cerca de 600 itens e a curadoria levou 18 meses em pesquisas em diversos acervos, criando uma exposição imperdível para fãs de quadrinhos.

Existem alguns itens históricos que merecem destaque e, por isso, selecionamos 15 para o espectador ficar de olho quando visitar o MIS:

Espaço de Tirinhas

Letícia Godoy/MIS

O espaço de tirinhas conta com clássicos que vão desde Níquel Náusea, Garfield e Snoopy até trabalhos recentes como o sucesso da web Um Sábado Qualquer. O espaço está repleto com cata-ventos interativos.   

V de Vingança

Fábio Gomes

Na área dedicada aos quadrinhos europeus há uma máscara do clássico V de Vingança assinada pelo desenhista David Lloyd. A obra criada por Alan Moore é um dos grandes clássicos das HQs e um marco do gênero.

Homenagem a Osamu Tezuka

Letícia Godoy/MIS

O espaço de mangás conta com uma área dedicada especialmente a Osamu Tezuka, considerado um dos maiores nomes da história do quadrinho asiático. Além de uma pequena estátua do Astroboy, sua criação mais conhecida, existem diversos guarda-chuvas que relembram alguns de seus trabalhos.

Turma da Mônica

Letícia Godoy/MIS

Um dos espaços mais interessantes da exposição é dedicado aos personagens criados por Mauricio de Sousa. Lá estão expostas artes originais de diferentes Graphics MSP, a primeira HQ do Cebolinha, da Mônica, do Cascão, da Magali e do Chico Bento, além de storyboards de Mônica Toy, webserie que foi lançada recentemente pela MSP.

Espaço Ziraldo

Letícia Godoy/MIS

O criador do Menino Maluquinho conta com um espaço especial que, segundo o curador Ivan Freitas, contou com sugestões e ideias do próprio Ziraldo. O espaço conta com diversas artes de Menino Maluquinho e Turma do Pererê, além de um áudio onde ele fala sobre como descobriu o quadrinho.

Laerte, Glauco e HQs nacionais

Letícia Godoy/MIS

Um espaço é totalmente dedicado a quadrinhos nacionais recentes e clássicos. Entre eles uma área destacada para Laerte e Glauco, dois ícones do quadrinho nacional.

Mafalda

Letícia Godoy/MIS

Mafalda conta com um grande painel na área de quadrinhos da América Latina. A imagem é formada por diversos quadros que podem ser girados e, na parte de trás, contam com uma pequena história da garota criada na argentina.

Arte original de Jim Davis

Letícia Godoy/MIS

Jim Davis, criador do Garfield, criou um desenho especialmente para a exposição. A imagem está na área dos quadrinhos dos EUA logo abaixo de um vídeo onde o desenhista fala sobre sua principal criação.

Maus

Letícia Godoy/MIS

O quadrinho criado por Art Spiegelman é uma das maiores obras da história dos quadrinhos e acompanha a luta do pai do autor, um judeu polonês, para sobreviver ao Holacusto. A obra chegou a ganhar um Prêmio Pulitzer em 1992 e edição que está exposta conta com a assinatura do próprio Spiegelman.

Will Eisner

Letícia Godoy/MIS

Grande mestre dos quadrinhos e criador de Spirit  tem um espaço dedicado a ele com uma mesa de desenho e alguns rascunhos clássicos.

Primeira HQ Quarteto Fantástico

Marvel/Reprodução

O espaço da Marvel conta com diversos quadrinhos raros, porém o que se destaca é a primeira edição de Quarteto Fantástico, publicação que deu início ao Universo Marvel Interligado e considerada um dos quadrinhos mais importantes da história. O detalhe mais interessante é que a obra conta com o autografo de ninguém menos que Stan Lee, que faleceu recentemente aos 95 anos.  

Espaço DC Comics

Letícia Godoy/MIS

Uma das áreas mais interessantes da exposição é o espaço dedicado aos quadrinhos da DC Comics. A exposição conta com estátuas do Superman, do Batman e da Mulher-Maravilha, um uniforme do Robin e um telefone vermelho autografado por Adam West e Burt Ward, o Batman e Robin da série clássica dos anos 60. Além das diversas revistas e desenhos originais, o espaço conta com uma réplica do painel da Batcaverna e o Aquaman de Jason Momoa.

Action Comics #1

DC Comics/Reprodução

Um dos quadrinhos mais raros da exposição está justamente na área da DC Comics: a Action Comics #1, publicação que conta com a primeira aparição do Superman. O quadrinho, lançado em 1938, teve uma edição vendida por US$ 3,2 milhões (cerca de R$ 10,5 milhões). A capa é uma das mais conhecidas da história dos quadrinhos e deu origem aos heróis como conhecemos hoje.  

Artes originais de Alex Ross

Alex Ross/DC Comics/Reprodução

O estilo realista de Alex Ross tornou o desenhista em um dos mais conhecidos do mercado. A exposição conta com algumas artes originais do quadrinista, entre elas a capa alternativa de Lanterna Verde 1, que foi lançada em 2005.

Superman por Ivan Reis

Ivan reis
Ivan Reis/DC/Divulgação

Além dos diversos quadrinhos clássicos expostos na área da DC Comics, um dos destaques da exposição é o trabalho recente que Ivan Reis tem feito para Superman. O brasileiro criou uma série de capas interligadas e o desenho original está exposto junto com a publicação final.