Filmes

Notícia

Pantera Negra | Diretor explica sua abordagem quanto à presença de Bucky em Wakanda

Cuidado: spoilers do filme a seguir

Mariana Canhisares
21.02.2018
12h24
Atualizada em
29.06.2018
02h44
Atualizada em 29.06.2018 às 02h44

[Atenção: spoilers de Pantera Negra a seguir]

Marvel Studios/Divulgação

O diretor Ryan Coogler explicou, em entrevista ao Empire Film Podcast, por que Bucky (Sebastian Stan) não esteve na batalha final contra Killmonger (Michael B. Jordan) em Pantera Negra, se ele estava em Wakanda após o final do conflito de Capitão América: Guerra Civil.

"Bucky teria tido estresse pós-traumático horrível, ele precisaria de apoio espiritual. A última coisa que ele precisaria é saltar naquela guerra, então esse foi o que pensamos quanto a isso. E poderia ser potencialmente problemático se, enquanto um monte de africanos lutam, você traz um cara branco que começa a atirar em todo mundo. Sabíamos disso. Bucky não foi treinado para neutralizar as pessoas de modo pacífico, ele é um assassino. Ficamos 'não sei podemos fazer isso...'".

O diretor também comentou a relação do personagem com Shuri (Letitia Wright), que fica mais clara na cena pós-crédito do longa.

"Era uma coisa de Shuri, porque no nosso mundo Bucky seria uma tarefa para ela. Deixamos uma dica quando eles trazem Ross e ela 'ah, mais um'. Então deixamos pistas, mas decidimos que, Shuri sendo tão inteligente, não seria um grande problema para ela quebrar o código mental dele."

Além de Chadwick Boseman no papel principal, Pantera Negra conta com Michael B. Jordan Forest WhitakerDanai Gurira vive Okoye e Lupita Nyong'o interpreta Nakia, as duas principais Dora Milaje do filme. Com direção de Ryan CooglerPantera Negra está em cartaz nos cinemas.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.