Produtor do Oscar: Chris Rock não quis que Will Smith fosse tirado da cerimônia

Créditos da imagem: Will Smith dá tapa em Chris Rock no Oscar 2022 (Reprodução)

Oscar

Notícia

Produtor do Oscar: Chris Rock não quis que Will Smith fosse tirado da cerimônia

Will Packer diz que conversou com o comediante logo após o incidente no palco

Omelete
3 min de leitura
Caio Coletti
01.04.2022, às 09H10

Will Packer, um dos produtores da cerimônia do Oscar 2022, disse que Will Smith não foi removido da cerimônia após dar um tapa em Chris Rock porque o próprio comediante disse que não queria que isso acontecesse. Falando à Variety, Packer explicou que teve uma conversa com Rock logo após o acontecido.

"Eu perguntei para ele se tinha sido um tapa de verdade. Ele olhou para mim e disse: 'Sim, cara, eu acabei de tomar um soco do Muhammad Ali'. Ele entrou em 'modo piada' imediatamente, mas dava para perceber que ainda estava em choque", contou o produtor.

Packer ainda disse que deixou a decisão do que fazer nas mãos de Rock, mas o comediante repetiu para ele que "estava tudo bem". Por isso, quando soube que os representantes da Academia estavam pensando em expulsar Smith, o produtor foi até eles e tentou impedir que isso acontecesse.

"Eu disse: 'Chris Rock não quer isso'. Ele deixou claro para mim que não queria piorar uma situação que já era ruim. Essa era a energia de Chris naquele momento. O tom dele não era retaliatório, nem raivoso, então fui até a liderança da Academia e advoguei pelo que ele queria naquele momento. Ele não queria que tirassem Will de lá", comentou.

Relembre o caso

Na cerimônia do Oscar de domingo (27), minutos antes de Smith levar a estatueta de Melhor Ator por seu trabalho em King Richard: Criando Campeãs, Rock improvisou uma piada sobre o visual de Jada Pinkett Smith, atriz e esposa de Will, que convive com a doença autoimune alopecia, que causa queda de cabelo. Revoltado, Smith subiu no palco e deu um tapa na cara do comediante. Ao voltar ao seu lugar, ele gritou “tire o nome da minha esposa da p*rra da sua boca” - saiba mais.

Na madrugada desta segunda-feira (28), a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas se pronunciou sobre o tapa dado por Smith em Rock. "A Academia não tolera violência de qualquer forma. [...] Temos o prazer de celebrar nossos vencedores do 94º Oscar, que merecem este momento de reconhecimento de seus colegas e amantes do cinema em todo o mundo", diz o comunicado.

De acordo com a Variety, os representantes de Smith conversaram com ele durante o intervalo da premiação. A Academia revelou que pediu que o ator se retirasse da cerimônia, mas ele se recusou.

Em seu discurso ao vencer Melhor Ator, Smith falou sobre Richard Williams, que ele interpreta em King Richard, e disse que ouviu, no intervalo, um conselho de Denzel Washington. Apesar de longo, o discurso do astro não foi interrompido pelos músicos da cerimônia, algo que foge dos padrões do Oscar. Ele ainda pediu desculpas à Academia pelo episódio da agressão.

Omelete agora tem um canal no Telegram! Participe para receber e debater as principais notícias da cultura pop (t.me/omelete).

Acompanhe a gente também no Youtube: no Omeleteve, com os principais assuntos da cultura pop; Hyperdrive, para as notícias mais quentes do universo geek; e Bentô Omelete, nosso canal de animes, mangás e cultura otaku.

Conteúdo Patrocinado

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.