Filmes

Lista

Ghostbusters: Mais Além | As principais referências do novo trailer

Equipe clássica, portal para o apocalipse e reutilização de efeitos especiais estão entre os easter-eggs da sequência

Nico Garófalo
27.07.2021
12h42
Atualizada em
27.07.2021
12h58
Atualizada em 27.07.2021 às 12h58

Dirigido por Jason Reitman, Ghostbuster: Mais Além ganhou, nesta terça-feira (27) um trailer completo que mostrou Trevor (Finn Wolfhard) e Phoebe (McKenna Grace) se deparando e - acidentalmente - assumindo o legado de seu avô, Egon Spengler (Harold Ramis).

Como já era de se esperar, a prévia traz várias referências aos filmes originais lançados nos anos 1980. Entre efeitos especiais reutilizados e o retorno de alguns fantasmas, confira alguns dos principais easter-eggs do trailer:

Phoebe é o novo Egon

Ghostbusters: Mais Além
Sony Pictures/Divulgação

Embora não apresente toda a nova equipe de Caça-Fantasmas, a prévia deixa claro que Phoebe assumirá o mesmo posto de “cientista-chefe” que Spengler ocupava nos longas originais. Em diversas tomadas, a atriz McKenna Grace aparece quase irreconhecível, com um visual extremamente parecido com o que Harold Ramis usou em 1984 e 1989.

Primeiro vislumbre do elenco original

Ghostbusters: Mais Além
Sony Pictures/Divulgação

Confirmados em Mais Além, o elenco principal dos filmes originais ainda não havia aparecido nas peças promocionais do longa. Annie Potts, que vive Janine na franquia, foi a primeira a “retornar” oficialmente, em uma cena que dá a entender que o romance de sua personagem com Egon rendeu frutos.

Remontando o Ecto-1

Ghostbusters: Mais Além
Sony Pictures/Divulgação

O icônico carro dos Caça-Fantasmas, o Ecto-1 mora fundo no coração dos fãs e tem sido a principal imagem utilizada pela Sony para promover Mais Além. Ao que parece, Egon também era apaixonado pelo veículo, a ponto de comprar outros Cadillacs de mesmo modelo para reaproveitar suas peças no carro de sua antiga equipe.

O apocalipse vem aí (de novo)

Ghostbusters: Mais Além
Sony Pictures/Divulgação

Assim como o surgimento de fantasmas e outros eventos sobrenaturais apontavam para um provável apocalipse acontecendo em Nova York no primeiro Caça-Fantasmas, Ghostbusters: Mais Além também terá um “aviso”. Desta vez, como é possível ver no trailer, é uma série de terremotos impossíveis que leva Phoebe e Grooberson (Paul Rudd) a cogitar que o fim do mundo pode estar prestes a acontecer (de novo).

O portal para o outro mundo

Ghostbusters: Mais Além
Sony Pictures/Divulgação

Todo fã de Caça-Fantasmas sabe que sempre que o gelo seco aparece em tela, os fantasmas devem vir logo atrás. Foi assim quando Dana (Sigourney Weaver) foi dominada por Zuul e quando o grande vilão Gozer (Slavitza Jovan) saiu de seu portal. Em entrevista ao IGN, Jason Reitman afirmou que, assim como no filme original, a equipe de Ghostbusters: Mais Além optou por usar a fumaça de gelo seco de modo prático o máximo o possível para recriar a atmosfera dos longas dos anos 1980.

E falando em “recriar a atmosfera”...

Efeitos remasterizados

Ghostbusters: Mais Além
Sony Pictures/Divulgação

Também ao IGN, Reitman contou que sua equipe encontrou os efeitos originais dos espectros fugitivos usados em 1984. O cineasta afirmou que a produção remasterizou o material encontrado para incluí-lo em Ghostbusters: Mais Além e ainda criou novos efeitos utilizando-o como base.

Novas versões de velhos conhecidos

Ghostbusters: Mais Além
Sony Pictures/Divulgação

Ghostbusters: Mais Além traz figuras bem familiares para os fãs da franquia. Além de Muncher, o fantasma gelatinoso que lembra o icônico Geleca, o trailer traz também um zumbi sendo servido em uma lanchonete (referência ao zumbi taxista do primeiro filme) e o retorno de um Cão Infernal, que pode ser visto perseguindo o personagem de Paul Rudd na marca de 1:57 do trailer.

As brincadeiras perigosas dos mini Stay Pufts

Ghostbusters: Mais Além
Sony Pictures/Divulgação

Mais uma figura automaticamente associada aos Caça-Fantasmas, o Homem de Marshmallow da Stay Puft retorna mais fofo em Ghostbusters: Mais Além. Enquanto passeia pelo mercado, Grooberson vê várias versões minúsculas da assombração, que parecem se divertir enquanto queimam e empalam uns aos outros.

Puro suco da nostalgia

Ghostbusters: Mais Além
Sony Pictures/Divulgação

Seguindo muito da trama que foi introduzida em Caça-Fantasmas II, é muito provável que Ghostbusters: Mais Além mostre um mundo que se lembra dos acontecimentos em Nova York como um caso isolado de histeria coletiva, relegando o quarteto ao esquecimento e aos cantos obscuros do YouTube, onde crianças nascidas nos anos 2000 e 2010 podem ter uma ideia do que era transmitido na TV há quase 40 anos.

O retorno do Ray

Ghostbusters: Mais Além
Sony Pictures/Divulgação

Quem também faz uma aparição relâmpago no trailer é Dan Aykroyd. No caso, os fãs tiveram que se contentar com a voz e os braços de Ray Stantz, que atende o telefone, possivelmente a antiga linha dos Caça-Fantasmas, dizendo apenas “estamos fechados”. Novamente ao IGN, Reitman apontou para um pequeno detalhe quase imperceptível para quem não assistiu o trailer em câmera lenta: a nova tatuagem de Ray.

O Caça-Fantasmas escreveu “Revelação 6:12” no braço, referenciando um diálogo que Ray teve com Winston (Ernie Hudson) no filme original sobre o apocalipse. Stantz, então, cita o versículo bíblico, agora marcado em sua pele.

Ray’s Occult

Ghostbusters: Mais Além
Sony Pictures/Divulgação

Quem também retorna é a loja de artigos e literatura sobrenaturais de Ray, Ray’s Occult, que o cientista abre em Caça-Fantasmas II. É possível ver pelo letreiro em neon que a livraria ainda está funcionando - e que Ray ainda usa o mesmo telefone vermelho depois de mais de 30 anos.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.