Filmes

Vídeo

Lembra Desse? Os 50 anos do agente 007 nos cinemas

007 Contra o Satânico Dr. No estreou no dia 5 de outubro de 1962

Equipe Omelete
05.10.2012, às 17H07
ATUALIZADA EM 21.09.2014, ÀS 17H17
ATUALIZADA EM 21.09.2014, ÀS 17H17

Logo após o rugido do leão da MGM, um círculo branco aparece na tela e vai se deslocando da esquerda para a direita, até que vira o cano de um revólver. Na sua mira está um sujeito com um terno e chapéu, que se vira rapidamente e atira na tela, lentamente pintando-a com o vermelho do sangue. Foi assim que, há 50 anos, começava 007 - Contra o Satânico Dr. No (Dr. No) e também a mais longa franquia do cinema até hoje.

Além da abertura, outros elementos vistos neste primeiro filme se tornaram icônicos para a série. Ainda nos créditos iniciais criados por Maurice Binder temos o tema composto Marty Norman e John Barry e as siluetas de mulheres, que se mantém presentes ao longo dos anos.

Por falar nos belos corpos femininos, é impossível não citar as Bond Girls. Em 007 - Contra o Satânico Dr. No podemos ver uma das mais lindas conquistas do agente secreto britânico, Ursula Andress, saindo da água com seu biquíni branco e faca, imagem que serviu de inspiração para a apresentação de Halle Berry, 40 anos depois, em 007 - Um Novo Dia Para Morrer.

Depois de desfilar seu charme pelas areias da Jamaica, Bond continuou a rodar o mundo e passou pelos cenários mais paradisíacos possíveis, das neves suíças ao sol catalão, fazendo conexão até mesmo no Carnaval Carioca, em 007 Contra o Foguete da Morte (Moonraker).

Desde o primeiro filme podemos ver também um desfile de carros, sendo que o mais famoso deles é sem dúvida o Aston Martin. No início, eles eram apenas um meio de transporte, mas com a ajuda do inventor conhecido como Q, ele já recebeu em outras aventuras os mais diversos tipos de dispositivos - desde metralhadoras e assento ejetável até a capacidade de virar um submarino, como aconteceu com o Lotus Espirit de 007 - O Espião que Me Amava (The Spy Who Loved Me).

Em O Satânico Dr. No, outra característica da série já presente no próprio título é a presença de vilões icônicos, que têm um objetivo em comum: a dominação mundial.

Um dos segredos da longa carreira do personagem nos cinemas é a sua troca de atores e diretores, que trazem novas visões e interpretações. Depois de Sean Connery, outros cinco atores já apareceram na tela pedindo um Martini - batido, não mexido: George Lazemby, Roger Moore, Timothy Dalton, Pierce Brosnam e o atual protagonista, Daniel Craig.

Conteúdo Patrocinado

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.