Ian Holm como Bilbo Bolseiro

Créditos da imagem: New Line Cinema/Divulgação

Filmes

Notícia

Peter Jackson escreve tributo emocionante a Ian Holm: "adeus, querido Bilbo"

Diretor de O Hobbit e O Senhor dos Anéis relembra e descreve momentos com o ator

Julia Sabbaga
20.06.2020
15h06

O diretor de O Senhor dos Anéis e O Hobbit, Peter Jackson escreveu um tributo emocionante relembrando momentos de Ian Holm, ator que interpretou Bilbo Bolseiro e faleceu ontem, dia 19. Em um longo texto publicado no Facebook, Jackson relembra sua primeira gravação com Holm, e o convite para que ele reinterpretasse o personagem da franquia em O Hobbit. 

"Estou me sentindo muito triste com a morte do Sir Ian Holm. Ian era um homem incrível, generoso. Quieto mas ousado, com um adorável brilho nos olhos", começa Jackson. O diretor então descreve o método do ator ao improvisar diversas falas durante o início de A Sociedade do Anel, e como foi difícil gravar a cena em que Bilbo conta de suas aventuras para um grupo de crianças. 

Jackson também falou sobre o convite dado à Holm para reviver o seu papel em O Hobbit, mas já sofrendo de Mal de Parkinson, o ator inicialmente recusou a oportunidade. O diretor descreve um jantar ao lado de Holm e sua esposa, Sophie, em que todos pensaram em como fazer a ideia se concretizar, e resolveram fazer parte das filmagens em Londres, e não na Nova zelândia, para que Holm pudesse estar envolvido. 

"Ver Ian Holm atuar me ensinou muita coisa - só de ver Ian sendo ele mesmo, silenciosamente, isso aconteceu. Foi um privilégio trabalhar com ele e uma benção tê-lo conhecido. Eu sempre amei a performance de Ian nas últimas cenas do Retorno do Rei. 'Acho que estou pronto para um nova aventura'. Adeus, querido Bilbo. Boa jornada, querido Ian", conclui Jackson. 

Holm ganhou um BAFTA e foi indicado ao Oscar por seu papel coadjuvante em Carruagens de Fogo, em 1982. A carreira do ator também é relembrada por papeis em Alien, O Oitavo Passageiro, Brazil: O Filme, O Quinto Elemento, As Novas Roupas do Imperador, O Senhor das Armas, O Aviador, e mais.

Seu último papel no cinema foi como Bilbo Bolseiro em O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos.