Ozark | Saiba como cada personagem termina a série da Netflix

Créditos da imagem: Os últimos momentos de Ozark (Reprodução)

Séries e TV

Lista

Ozark | Saiba como cada personagem termina a série da Netflix

Entre mortos e feridos, salvaram-se todos? Veja como acabou a 4ª e última temporada

Omelete
1 min de leitura
Caio Coletti
03.05.2022, às 13H38

ATENÇÃO: Spoilers de Ozark a seguir!

Depois de quatro temporadas e 44 episódios, Ozark chegou ao fim. Na última sexta-feira (29), a Netflix liberou os sete capítulos finais de uma de suas produções mais prestigiadas, desenrolando a trama criminal da família Byrde e dos que gravitam ao redor deles na região dos lagos Ozark. Mas como essa jornada acabou para cada personagem da série estrelada por Jason Bateman e Laura Linney?

Bom, nós temos um guia completinho para você logo abaixo:

A família Byrde

Jonah (Skylar Gaertner) em cena de Ozark (Reprodução)

No fim das contas, os protagonistas de Ozark conseguiram tudo o que queriam: a fundação familiar decolou, com a ajuda de Jim (Damian Young), efetivamente consolidando os Byrde como a família mais poderosa do meio-Oeste americano; o FBI saiu da cola da operação de lavagem de dinheiro após um trato lucrativo com o cartel (mais sobre isso abaixo); e os riscos de aniquilação completa foram minimizados, embora o ramo de trabalho dos Byrde nunca permita que eles estejam totalmente seguros.

Grande parte dos sete episódios finais é gasto em um conflito de Marty e Wendy com os filhos, que quase os deixam para trás a fim de morar com o avô (Richard Thomas). Em essência, é uma escolha moral que os já adolescentes Jonah (Skylar Gaertner) e Charlotte (Sofia Hublitz) precisam fazer: o modo de vida dos pais é algo que querem para si mesmos ou não?

No fim das contas (não antes de muitas manobras de Marty e Wendy, e uma ajudinha de Ruth), eles decidem ficar com os pais - e Jonah é responsável pela maior prova de lealdade possível, emboscando o detetive Mel Sattem (Adam Rothenberg) no quintal da família e matando-o à sangue-frio.

Ruth Langmore (e Rachel)

Ruth (Julia Garner) em cena de Ozark (Reprodução)

A personagem de Julia Garner pagou o preço mais alto possível por seu envolvimento com as falcatruas dos Byrde. Se ela entrou nessa temporada em pleno processo de luto pela família - especialmente, pelo primo Wyatt (Charlie Tahan) -, conforme os episódios foram se sucedendo, as coisas começaram a melhorar.

Após herdar uma bolada da esposa de Wyatt, Darlene (Lisa Emery), ela finalmente pôde fazer reformas no parque de trailers onde sua família viveu por anos, e ainda deu um jeito de limpar seu nome na justiça e comprar a maior parte do cassino dos Byrde. Tudo isso com a ajuda surpreendente de Rachel (Jordana Spiro), mais um dos muitos desafetos que a família principal acumulou através dos anos.

Justo quando os negócios e a amizade (ou algo mais?) das duas estavam florescendo, no entanto, Ruth é condenada pela língua solta de Clare (Katrina Lenk). A executiva confessa para Camila (Veronica Falcón) que foi Ruth quem matou o filho dela, Javi (Alfonso Herrera), e a nova chefe do cartel vai até o parque de trailers pessoalmente para assassinar a nossa residente dos Ozarks favorita. 

No fim das contas, portanto, o único sobrevivente da família Langmore - e herdeiro de Ruth - é Three (Carson Holmes). Se a série continuasse para além dessa 4ª temporada, ele sem dúvida causaria problemas para os Byrde. Já Rachel teria que escolher entre seguir trabalhando no cassino ou voltar para a Flórida, onde estava se escondendo até Ruth encontrá-la.

Omar Navarro (e Camila)

Omar (Felix Solis) em cena de Ozark (Reprodução)

O líder do cartel mexicano foi traído por todos os lados - e múltiplas vezes pelos Byrde. Ele começa a temporada na cadeia, e não sai de lá até o último capítulo, quando Marty, Wendy e Camila se unem para passá-lo para trás. 

É quando guardas subornados pelo trio colocam Omar em uma van com a desculpa de transferi-lo de prisão… no meio da noite. Logo o veículo está fazendo uma parada em um lugar isolado e o ex-chefe do cartel é executado a sangue-frio na beira da estrada.

Quem assume o comando no lugar dele é a irmã, Camila, que faz com o FBI e com os Byrde o mesmo trato que Omar tentou firmar antes de ser preso: imunidade e permissão extraoficial para continuar operando o tráfico, em troca de eventuais apreensões de produto lucrativas para a agência americana.

Agente Maya Miller (e Mel)

Mel Sattem (Adam Rothenberg) em cena de Ozark (Reprodução)

A agente do FBI, que preferiu prender Omar ao invés de aceitar o seu acordo com a agência, foi punida por seus princípios ao invés de recompensada por eles. Nestes últimos episódios, Maya trabalha em uma posição burocrática e só consegue se envolver no caso dos Byrde através de outra pessoa, o detetive Mel Sattem.

Contratado originalmente pelo marido de Helen Pierce (Janet McTeer) para encontrá-la, Sattem vira uma pedra no sapato da família principal conforme investiga também o desaparecimento de Ben (Tom Pelphrey), irmão de Wendy. Quando ele chega perto demais da verdade, os Byrde encontram um jeito de tirá-lo do caso: oferecendo uma oportunidade de retornar para a polícia, anos depois de sua expulsão por roubar cocaína dos armários de evidência.

Sattem, que esteve se consultando com Maya atrás de evidências e acabou se envolvendo com ela romanticamente, aceita a proposta - mas sua consciência não o deixa em paz, e ele retorna à casa dos Byrde no final para dizer a eles que descobriu tudo. É quando Jonah entra em cena e o detetive acaba tendo o mesmo fim que dezenas de outros inimigos da família.

Sam Dermody

Sam (Kevin L. Johnson) em cena de Ozark (Reprodução)

O personagem de Kevin L. Johnson sempre foi meio que um “coitadinho” envolvido nas tramoias dos Byrde. De gerente do clube de strip da família a viciado em jogos de azar no cassino, ele passou por poucas e boas antes de ir trabalhar no motel comprado por Ruth.

É justamente lá, inclusive, que Sam encontra alguma medida de paz em sua vida. Quando o pai de Wendy passa pelo motel com sua congregação religiosa, ele se apega (talvez um pouco demais, sugere a série) à gentil Annalise (Jane McNeill) e encontra a religião como um novo propósito de vida.

Em sua última aparição, Sam conta a Wendy que vai partir para a Carolina do Norte junto com a congregação. Em meio aos fins trágicos ou agridoces de Ozark, o personagem acaba saindo, improvavelmente, como o mais sortudo da série.

Conteúdo Patrocinado

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.