Música

Lista

Lady Gaga, Led Zeppelin e mais: músicas com gritos marcantes

Quando vocalistas arrasam em partes sem letra

Julia Sabbaga
16.10.2018
17h27

A música já cotada ao Oscar de Nasce Uma Estrela, "Shallow", arrepiou muita gente desde o trailer do filme. O curioso é que a parte mais marcante não é tanto o seu refrão, mas sim quando Lady Gaga solta a voz em um "aah" realmente poderoso. Com isso em mente, reunimos abaixo algumas das músicas - dos mais variados gêneros - com gritos marcantes, sem letra. Confira:

"Shallow" - Lady Gaga, Bradley Cooper

Lançada na trilha sonora de Nasce Uma Estrela, "Shallow" já conquistou os fãs desde o lançamento do primeiro trailer do filme, que cresce junto com a voz de Gaga. A faixa foi composta pela própria cantora em parceria com Mark RonsonAnthony Rossomando, e Andrew Wyatt, e também produzida por Gaga com colaboração de Benjamin Rice. O trecho em si pode ser ouvido no player acima, no marco de 2min30. 

Warner Bros/Divulgação

"Immigrant Song" - Led Zeppelin

Claro que "Immigrant Song", do Led Zeppelin, não ficaria de fora da lista. Lançada em 1970, no álbum Led Zeppelin III, a música traz uma das melhores performances vocais do rock, e o grito de Robert Plant no início da faixa do é um dos trechos mais facilmente reconhecíveis do catálogo da banda. O trecho está logo no início do vídeo acima (aos 9 segundos, mais precisamente).  

"The Great Gig In The Sky" - Pink Floyd

"The Great Gig In The Sky", do Pink Floyd, é outra que não pode ficar de fora de uma lista de gritos marcantes, afinal, a música inteira é basicamente isso. A faixa, do álbum The Dark Side Of The Moon, traz a performance vocal de Clare Torry, que improvisou e tentou "cantar como se fosse um instrumento". Por ter improvisado, Torry tem créditos na composição da música, que pode ser ouvida acima. 

"Pesadão" - IZA

A grudenta "Pesadão", da IZA em parceria com Marcelo Falcão, é outra música que a parte mais marcante é apenas uma melodia em um forte vocal. Lançada no álbum de estreia da cantora, Dona de Mim, o single é uma das músicas mais contagiantes do ano, exatamente pelo seu gritinho. Ouça acima, logo no começo da faixa.

"The Number Of the Beast" - Iron Maiden

Gritos no heavy metal poderiam ganhar uma lista própria, mas uma boa maneira de exemplificar o gênero é com o grito de Bruce Dickinson em "The Number Of The Beast", do Iron Maiden. O grito em questão vem logo ao fim da introdução, e a lenda diz que o vocalista gritou deste modo por frustração, após o produtor Martin Birch tê-lo feito cantar a introdução diversas horas. O trecho acontece no marco de 1min17. 

"Psycho Killer" - Talking Heads

"Psycho Killer", do Talking Heads, tem uma letra peculiar, simples, e um refrão marcante, que culmina em um gritinho icônico do vocalista David Byrne. O single de estreia da banda foi lançado no álbum Talking Heads: 77 e mais tarde foi introduzido ao Rock and Roll Hall of Fame de músicas que moldaram o rock. No player acima, o trecho pode ser ouvido pela primeira vez no marco de 1min10. 

"Highway Star" - Deep Purple

Voltando para o rock pesado, o Deep Purple tem um grito lendário no clássico "Highway Star", de 1972. A música do álbum Machine Head traz o vocalista Ian Gillan em um grito crescente logo no início, que marca o início explosivo da faixa. No player acima, o trecho vocal começa aos 25 segundos.