Música

Notícia

Igor Cavalera fora do Sepultura

Igor Cavalera fora do Sepultura

Rodrigo Monteiro
16.06.2006, às 00H00
ATUALIZADA EM 23.11.2016, ÀS 06H17
ATUALIZADA EM 23.11.2016, ÀS 06H17

Já há algumas semanas rolavam na Internet boatos de que o baterista Igor Cavalera estaria deixando o Sepultura, banda que fundara com o irmão Max no começo da década de 1980 e que se tornou um dos maiores - senão o maior - nomes do heavy metal nacional. A boataria ganhou fôlego quando Igor anunciou que não participaria da turnê de divulgação de Dante XXI, o novo álbum do grupo, alegando que queria passar mais tempo com seu filho recém-nascido. Por mais de uma vez, ele desmentiu que estava deixando definitivamente o Sepultura.

Na última segunda-feira, dia 12 de junho, Igor finalmente resolveu terminar com a boataria comunicando através do site oficial do grupo que, a partir daquele momento, não fazia mais parte da banda. Nas palavras do baterista: "Vários motivos me levaram a tomar essa importante decisão em minha vida e gostaria de compartilhar isso com todos. Acredito que a minha missão no Sepultura tenha chegado ao fim. Tenho muito orgulho de tudo o que fizemos, mas hoje sinto que o formato da banda já não atende mais às minhas expectativas como músico e como pessoa. Desde a minha última turnê na Europa em dezembro de 2004, percebi que as minhas idéias já não batiam com as do resto da banda".

O Sepultura foi fundado em Belo Horizonte no começo da década de 1980. Seu primeiro registro, Bestial devastation, foi lançado em 1985. De lá pra cá a banda passou por poucas mudanças, sendo a mais traumática delas justamente a saída de Max Cavalera, que deixou o grupo em 1996, quando estava no auge graças à boa recepção do álbum Roots. Com a saída de Igor, o único membro da formação original que ainda permanece na banda é o baixista Paulo Júnior.

Apesar dos demais membros da banda ainda não terem se manifestado oficialmente sobre a saída de Igor, já disseram que apesar da perda o Sepultura continua vivo e que Jean Dolabella (ex-Udora, banda que antigamente tinha o nome de Diesel) será seu substituto. Quanto ao futuro de Igor, há boatos dizendo que ele pode tanto enveredar por projetos mais ligados ao infame "new metal", quanto voltar a trabalhar com seu irmão, Max.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.