Dia dos namorados | 10 músicas de amor nada românticas

Música

Lista

Dia dos namorados | 10 músicas de amor nada românticas

De The Police a Chico Buarque

Julia Sabbaga
12.06.2019
14h35

O dia dos namorados chegou e, novamente, quem tá acompanhado está feliz. Mas para quem tá amargurado com a data ou não quer mais saber de amor, listamos as músicas que os casais adoram ouvir e cantar mas que, na realidade, não tem nada de românticas:

"Every Breath You Take" - The Police

Claro que a primeira da lista não poderia ser outra. "Every Breath You Take", do The Police, é a mais famosa música que todo mundo acha que é romântica e na verdade é bem sinistra. Quando se presta atenção na letra, "Every Breath You Take" é claramente sobre um stalker, e Sting canta frases como "eu estarei te observando" e "você pertence a mim". 

"Sexed Up" - Robbie Williams

Robbie Williams teve a proeza de cantar de um jeito muito doce uma música que parece extremamente romântica, mas não chega nem perto. "Sexed Up" é uma clara música de término de namoro, como frases como "vai te ferrar" e "espero que você se exploda", que muito casal ouve abraçadinho. 

"I've Got You Under My Skin" - Frank Sinatra

Escrita por Cole Porter e famosa na voz de Frank Sinatra "I've Got You Under My Skin" pode ser entendida de diversos modos e certamente o significado amoroso é o mais imediato. A faixa, no entanto, é interpretada por muitos como uma descrição dos efeitos da heroína, até pelo seu título, algo como "eu tenho você por baixo da pele". O significado faz bastante sentido em frases como: "eu sacrificaria qualquer coisa para ter você por perto, apesar de uma voz de alerta que vem à noite e repete no meu ouvido 'você não sabe, seu tolo, que nunca pode ganhar? Use sua cabeça e acorde para a realidade'".

"Bitter Sweet Symphony" - The Verve

O hit do The Verve, "Bitter Sweet Symphony", é outra que tem todo o clima de casal, mas tem uma letra bem deprimente. A orquestra e melodia podem parecer uma graça, mas a música é sobre um cara bem na fossa, "tentando fazer as coisas darem certo, tentando achar algum dinheiro e daí você morre". 

"Just The Way You Are" - Billy Joel

"Just The Way You Are", do Billy Joel, certamente foi composta como uma ideia romântica, mas não sei se a ideia deu muito certo. O músico quer dizer para a mulher amada que ela não precisa mudar, mas talvez frases como "eu não preciso de conversas inteligentes" ou "não mude seu cabelo, você sempre terá minha paixão não dita, por mais que eu pareça não me importar" não sejam a melhor maneira de expressar seu amor. 

"Mulheres de Atenas" - Chico Buarque

Chico Buarque já explicou que a ideia de "Mulheres de Atenas" era na realidade, uma crítica à submissão de modo geral. Mesmo assim, sem uma explicação, a música que tem uma apaixonante melodia não é a melhor escolha na hora de dedicar para a mulher amada, que pode se incomodar com o pedido do cantor: "Mirem-se no exemplo daquelas mulheres de Atenas. Vivem pros seu maridos, orgulho e raça de Atenas".

"All I Need" - Radiohead

"All I Need", do Radiohead, tem uma bela melodia e um piano marcante que pode fazer muito fã apaixonado se enganar de que a letra é uma simples declaração de amor. A letra é de um pobre coitado sofrendo de amor não correspondido, e além do eu-lírico parecer bem obcecado, ele ainda completa a declaração com "eu só fixo em você porque não há outras". 

"More Than Words" - Extreme

O Extreme também tem uma destas músicas aparentemente românticas, "More Than Words", de 1990. Apesar das palavras serem bonitas, quando se presta atenção na letra "More Than Words" parece um cara bem ousado tentando convencer a moça de que não adianta dizer eu te amo, e que ela precisa fazer mais: "tudo que você precisa fazer é fechar seus olhos, esticar a mão e me tocar". Ok, entendemos a mensagem. 

"Ana's Song (Open Fire)" - Silverchair

"Ana's Song (Open Fire)", do Silverchair, já pareceria romântica pela sua melodia, mas o nome também ajuda a achar que a faixa foi composta em homenagem à uma pessoa. Na realidade, Ana é o apelido de anorexia, e o vocalista Daniel Johns explicou que a música fala sobre seu transtorno com a doença. Deste modo, frases como "estou de joelhos por você" parecem bem mais cortantes.

"Because Of You" - Kelly Clarkson

"Because Of You" tem aquele vozeirão da Kelly Clarkson, um título aparentemente amoroso e aquela melodia de amor desiludido, mas na realidade a letra é sobre o divórcio dos pais da cantora, e decididamente não deve ser usada em contextos românticos. "Por causa de você eu tenho dificuldades em confiar não só em mim como em outros ao redor. Por causa de você eu tenho medo" não são frases boas de ouvir.