Música

Crítica

Jason Mraz em São Paulo | Crítica

Com show acústico e muito carisma, cantor conquista mais uma vez o público da capital paulista

André Zuliani
08.04.2015
12h45
Atualizada em
08.12.2016
01h06
Atualizada em 08.12.2016 às 01h06

De volta ao Brasil com a turnê de seu novo disco, Yes!, Jason Mraz apresentou na noite fria da capital paulista um show íntimo e acústico para os seus fãs que lotaram o Citibank Hall. Ao lado do ótimo quarteto Raining Jane, o americano mesclou o seu setlist com hits novos e antigos, causando alvoroço entre o público presente.

None

Esbanjando carisma e conversando com as pessoas durante quase toda apresentação, Jason deixou o seu público confortável a todo momento, sempre destacando a companhia de sua banda e contando histórias sobre suas composições. Com lindas imagens de paisagens sendo exibidas no fundo do palco, além de um ótimo clipe de sua viagem até a Antártida, Mraz interpretava no violão sucessos como "93 Millions Miles", "The Remedy (I Won't Worry)" e "A Beautiful Mess", além das mais recentes "Rise", "Shine" e "Quiet", de seu mais recente álbum.

Os fãs intercalavam risos e lágrimas a cada música e mensagem que o cantor passava. Sempre otimista, Mraz tentava convercer o público a nunca se deixar abalar com os problemas da vida. Em seus hits mais românticos, como "Love Someone" e "Lucky", casais distribuiam beijos e abraços, aproveitando o momento para fazerem declarações e celebrando a agradável noite que o artista os proporcionava.

Agradecendo o carinho dos brasileiros, o cantor não decepcionou e deixou grandes sucessos para o ato final. "I'm Yours" e "I Won't Give Up" finalizaram a noite em que Jason Mraz mostrou aos fãs que, apesar do caos rotineiro da cidade grande (brincando, inclusive, com o trânsito de São Paulo), uma boa noite de música faz o seu dia valer a pena.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.